Acesso ao principal conteúdo
Convidado

COP 21 : Guiné-Bissau é o segundo país mais vulnerável à subida do nível do mar

Áudio 07:22
Técnico da secretaria de Estado guineense do ambiente, Viriato Cassamá.
Técnico da secretaria de Estado guineense do ambiente, Viriato Cassamá. RFI/Miguel Martins

Pela primeira vez na história a Guiné-Bissau está representada na Conferência da ONU sobre alterações climáticas ao nível do seu chefe de Estado, em Paris. O país seria, depois do Bangladesh, o segundo mais vulnerável à subida do nível do mar devido ao aquecimento do planeta que já é visível segundo o técnico da secretaria de Estado guineense do ambiente, Viriato Cassamá.

Página não encontrada

O conteúdo ao qual pretende aceder não existe ou já não está disponível.