Acesso ao principal conteúdo
Futebol

CAN 2019: Djurtus eliminados pelo Gana

Jordan Ayew (direita), avançado do Gana, apontou o primeiro tento do encontro frente à Guiné-Bissau.
Jordan Ayew (direita), avançado do Gana, apontou o primeiro tento do encontro frente à Guiné-Bissau. fadel senna / AFP

A Guiné-Bissau foi eliminada do Campeonato Africano das Nações de futebol após a derrota por 2-0 frente ao Gana no Estádio de Suez na derradeira jornada no Grupo F.

Publicidade

Era o tudo ou nada para os Djurtus, comandados pelo técnico Baciro Candé, e neste encontro frente ao Gana, nada correu a favor dos guineenses.

Na primeira parte a Guiné-Bissau até dominou e criou-se várias oportunidades nos minutos iniciais. A mais polémica foi uma falta não assinalada sobre o avançado Mama Baldé dentro da área do Gana. A falta de Joseph Aidoo pareceu evidente mas o árbitro nada assinalou.

Depois foi aos 15 minutos que os guineenses estiveram perto de marcar com um remate do avançado Piqueti que foi desviado pelo guarda-redes ganês Richard Ofori e que acabou por bater na trave. Duas oportunidades que acabaram por não resultaram em golo para a Guiné-Bissau.

Do lado do Gana apenas uma oportunidade, um remate do avançado Jordan Ayew que bateu no poste da baliza do guarda-redes guineense, Jonas Mendes. No intervalo o empate mantinha-se entre as duas equipas.

A segunda parte começou da pior maneira para o Djurtus com um tento apontado por Jordan Ayew aos 46 minutos de jogo. À segunda oportunidade, o avançado ganês não perdoou.

A perder por 1-0, os guineenses tinham de reagir, no entanto, e apesar das ocasiões que tentaram criar, os Djurtus não conseguiram empatar. De qualquer modo o empate também não servia os interesses da Guiné-Bissau que tinha de vencer para seguir em frente.

O resultado até piorou aos 72 minutos com o segundo tento apontado pelos ganeses da autoria do médio Thomas Partey.

Tudo ditou neste encontro, o resultado final fixou-se em 2-0 para o Gana, o que significa a eliminação da Guiné-Bissau.

Na tabela classificativa, o Gana terminou no primeiro lugar com cinco pontos, à frente dos Camarões também com cinco, do Benim com três e da Guiné-Bissau com apenas um ponto. De notar que os Djurtus não apontaram um único tento no torneio.

De referir ainda que no outro encontro do grupo os Camarões e o Benim empataram sem golos.

Pela segunda vez em duas participações no CAN, a Guiné-Bissau é eliminada na fase de grupos, e novamente com a presença no agrupamento dos Camarões, que em 2017 acabaram por se sagrar Campeões de África.

NewsletterReceba a newsletter diária RFI: noticiários, reportagens, entrevistas, análises, perfis, emissões, programas.

Faça o download da aplicação

Página não encontrada

O conteúdo ao qual pretende aceder não existe ou já não está disponível.