Acesso ao principal conteúdo
Convidado

Moçambique: "evidências" de vala comum

Áudio 11:00
Um dos 15 cadáveres fotografos dia 1 de Maio de 2016 na Gorongosa
Um dos 15 cadáveres fotografos dia 1 de Maio de 2016 na Gorongosa Lusa

São contraditórias as informações sobre a existência ou não de uma vala comum com mais de uma centena de cadáveres no distrito da Gorongosa, província de Sofala, no centro de Moçambique, descrita por camponeses na passada quarta-feira (27/04) segundo reportou alguma imprensa internacional.Na passada sexta-feira (29/04) a polícia e o governo desmentiram tal notícia, mas este domingo (1/05) a agência de notícias portuguesa Lusa noticiou novos relatos de camponeses, acompanhados por fotografias dando conta de cerca de 15 cadáveres encontrados perto da alegada vala comum.Custódio Duma, presidente da Comissão de Direitos Humanos de Moçambique viu as imagens dos cadàveres que considera "chocantes", mas aguarda a constatação "in loco" para apurar a veracidade dos factos, embora admitindo que o acesso ao local lhe poderá ser vedado pelas autoridades, instando o Ministério Público a investigar.

Página não encontrada

O conteúdo ao qual pretende aceder não existe ou já não está disponível.