Acesso ao principal conteúdo
Moçambique

Fundo da Natureza critica gestão dos recursos naturais em Moçambique

Logo da ONG WWF, Fundo Mundial para a Natureza, que critica gestão moçambicana dos recursos naturais
Logo da ONG WWF, Fundo Mundial para a Natureza, que critica gestão moçambicana dos recursos naturais DR

ONG internacional, Fundo mundial para a Natureza, mostra-se crítica em relação ao modo de gestão dos recursos naturais pelos dirigentes em Moçambique, durante reunião de plataformas da sociedade civil.

Publicidade

A Organização Não Governamental WWF, Fundo Mundial para a Natureza,  lança um olhar crítico à gestão dos recursos naturais em Moçambique.

Apesar dos problemas, Anabela Rodrigues, Directora Nacional do Fundo Mundial para a Natureza (WWF), que falava a RFI, em Maputo, ao fim de três dias da Reunião Nacional da Aliança das Plataformas das Organizações da Sociedade Civil, reconhece, agora, a nível governamental, uma atitude mais positiva.

Atitude positiva, em termos de vontade política, com a criação de uma lei de conservação que penaliza a actividade ilegal.

"É uma gestão problemática porque há problemas de acesso a esses recursos, há muita manipulação dominada muito por influências políticas e por um conhecimento que se obtém a nível central que facilita a utilização e a exploração desses recursos por minorias", sublinha à RFI, Anabela Rodrigues, Directora Nacional do Fundo Mundial para a Natureza.

De Maputo, o nosso correspondente, Orfeu Lisboa.

selfpromo.newsletter.titleselfpromo.newsletter.text

selfpromo.app.text

Página não encontrada

O conteúdo ao qual pretende aceder não existe ou já não está disponível.