Acesso ao principal conteúdo
Moçambique

Retoma das negociações de paz em Moçambique

Distrito de Metarica, Moçambique
Distrito de Metarica, Moçambique Google Maps

Esta madrugada a província de Niassa, no norte de Moçambique, foi palco de um ataque atribuído pelas autoridades a homens armados da Renamo. A investida ocorreu a algumas horas da retoma das negociações de paz.

Publicidade

De acordo com a administradora do distrito de Metarica, Edite Ramalho, citada pela Rádio Moçambique e pela agência Lusa, os atacantes incendiaram a secretaria do posto administrativo de Nacuma e um posto policial, tendo também destruído parcialmente a residência do chefe do posto e vandalizado o centro de saúde.

Esta segunda-feira foram retomadas as negociações de paz entre o governo e a Renamo, com a participação de vários mediadores internacionais. O principal ponto de discórdia das conversações interrompidas a 27 de Julho é a exigência da Renamo em governar nas seis províncias onde reivindica vitória nas eleições gerais de 2014.

Na agenda das negociações está também a cessação imediata dos confrontos, a despartidarização das Forças de Defesa e Segurança, incluindo na polícia e nos serviços de informação, o desarmamento do braço armado da Renamo e sua reintegração na vida civil.

"Precisamos de muita maturidade e de muita seriedade nestas negociações. É uma espécie de alerta. Temos também que participar porque o sucesso depende também de reforçar a nossa participação e de reforçar também o papel dos negociadores", declarou Hermenegildo Mulhovo, Director do Instituto Holandês para a democracia multipartidária.

Oiça aqui a reportagem de Ilauda Manala, em serviço especial para a RFI.

Correspondência de Moçambique

 

NewsletterReceba a newsletter diária RFI: noticiários, reportagens, entrevistas, análises, perfis, emissões, programas.

Acompanhe toda a actualidade internacional fazendo download da aplicação RFI

Página não encontrada

O conteúdo ao qual pretende aceder não existe ou já não está disponível.