Acesso ao principal conteúdo
Moçambique

Insegurança alimentar afecta 1 milhão e 400 mil moçambicanos

Castro Camarada (FAO) e Karin Manente (PMA)
Castro Camarada (FAO) e Karin Manente (PMA) RFI / Orfeu Lisboa

Pouco mais de um milhão e quatrocentos mil moçambicanos estão em situação de insegurança alimentar aguda. Os dados foram revelados pelo Programa Mundial para Alimentação (PMA) durante uma conferência de imprensa alusiva ao Dia Mundial da Alimentação que se assinala este domingo.

Publicidade

O El Nino fenómeno natural que provoca seca severa está à afectar pela negativa a vida dos moçambicanos como revela a Representante e Directora do PMA Programa Mundial para Alimentação em Moçambique Karin Manente que afirma que a situação "é grave no sentido em que foi feito um apanhado pelo ministério da agricultura insegurança alimentar e 1.4 milhões de pessoas estão em situação de insegurança alimentar aguda. Esse número há-de subir".

O governo moçambicano estima que 1 milhão de pessoas possam ser afectadas pelas cheias na época chuvosa, que se aproxima, e o país precisa de mais de 9 milhões de euros para fazer face à situação, que afecta sobretudo as províncias de Niassa, Nampula, Cabo Delgado e Zambézia.

Até Setembro passado foram assistidas mais de 800 mil pessoas com fome na região sul e centro de Moçambique segundo dados avançados numa conferência conjunta alusiva ao 16 de Outubro, dia Mundial da Alimentação, entre o PMA e a organização das nações unidas para alimentação e agricultura FAO que para estimular a produção de comida vai introduzir um subsidio para beneficiar as famílias camponesas.

Trata-se de acordo com Castro Camarada, representante da FAO em Moçambique de um programa com subsídios que poderão chegar a 50% para as famílias mais vulneráveis e 30% para a famílias com capacidade de autofinanciamento. A perspectiva é de abranger mais de 18 mil famílias camponesas em alguns distritos do centro e norte de Moçambique.

Até ao momento, a ajuda às famílias afectadas pela fome é feita com base na distribuição de comida como reporta o nosso correspondente em Maputo, Orfeu Lisboa.

 

NewsletterReceba a newsletter diária RFI: noticiários, reportagens, entrevistas, análises, perfis, emissões, programas.

Faça o download da aplicação

Página não encontrada

O conteúdo ao qual pretende aceder não existe ou já não está disponível.