Acesso ao principal conteúdo
Moçambique/Sida

Moçambique: 16% da população infectada pelos vírus da Sida

Flickr, andrew_stevens_h

A "moçambicanização" das mensagens como estratégia de prevenção do VIH Sida e com base nas comunidades é a aposta do Governo para fazer face à doença. Moçambique assinalou o Dia Mundial de Luta Contra a Sida sob o lema "Por amor a vida, protejo-me do HIV SIDA".

Publicidade

Filipe Nyusi, presidente de Moçambique, na cerimónia alusiva ao Dia Mundial de Luta Contra a Sida, manifestou a sua preocupação quanto aos actuais níveis de infecção que o país regista apesar dos avanços no combate à doença entre 2011-2013.

O chefe de Estado defendeu ainda a disseminação das mensagens de prevenção do VIH Sida, em línguas nacionais para que a mesma chegue a mais pessoas.

Aproximadamente um milhão e quinhentos mil moçambicanos, cerca de 16% do total da população está infectados pelo vírus da Sida, números que fazem deste, um dos 10 países com os maiores índices de seroprevalência.

Ainda assim, dados revelados hoje em Maputo indicam que entre 2011 e 2013 Moçambique reduziu as novas infecções em 25% e de 11,9% para 6,2% as infecções de mãe para filho. Ficou igualmente, neste dia, a nota positiva para a elevação em 80% de pessoas em tratamento anti-retroviral, que chegarão a 922 mil até ao final do ano. Actualmente de 954 mil pessoas estão já a fazer a terapia anti-retroviral.

 

 

 

 

 

 

Página não encontrada

O conteúdo ao qual pretende aceder não existe ou já não está disponível.