Acesso ao principal conteúdo
Convidado

Adelino Timóteo lança livro sobre Uria Simango

Áudio 12:52
Uria Simango, um dos líderes da Frelimo durante a luta anti-colonial.
Uria Simango, um dos líderes da Frelimo durante a luta anti-colonial. Facebook

Nesta semana, o escritor e jornalista moçambicano Adelino Timóteo lançou na cidade da Beira, em Moçambique, o seu mais recente livro "Os últimos dias de Uria Simango", uma obra que retrata o percurso deste que foi um dos líderes de relevo da Frente de Libertação de Moçambique, Frelimo, durante a luta contra o regime colonial português e que depois do país aceder à independência acabou por ser executado juntamente com a esposa Celina em finais da década de 70, sob a acusação de traição.Alguns livros foram escritos sobre este episódio, nomeadamente "Uria Simango, um homem, uma causa" de Barnabé Lucas Ncomo, mas deste período conturbado durante o qual se deram lutas intestinas dentro do partido no poder -com um trágico desfecho para os dissidentes- restam poucos vestígios.Ao evocar os motivos, alguns deles mais íntimos, que o conduziram a ir avante com este livro, o autor Adelino Timóteo recorda o percurso multifacetado de Uria Simango. 

Página não encontrada

O conteúdo ao qual pretende aceder não existe ou já não está disponível.