Acesso ao principal conteúdo
Moçambique / Cabo Delgado / Solidariedade

Benévolos ajudam vítimas de Cabo Delgado

Cídia Chissungo, líder da campanha solidária "Cabo Delgado também é Moçambique".
Cídia Chissungo, líder da campanha solidária "Cabo Delgado também é Moçambique". Orfeu Lisboa / RFI

O movimento "Activista Moçambique”, constituído por várias associações humanitárias, lançou uma campanha de angariação de donativos -  dinheiro, roupa ou produtos alimentares cujo prazo de validade e duração é maior (cereais, milho, macarrão, soja, café, sal, fuba, etc. ), destinados às vítimas dos ataques de grupos armados, em alguns distritos da província de Cabo Delgado, no norte do país.

Publicidade

O movimento humanitário "Activista moçambique" está a conduzir uma campanha de angariação de donativos para as vítimas dos ataques em Cabo Delgado, no norte de Moçambique. 

Estes ataques já causaram mais de 100 mortos e milhares de deslocados.

A RFI ouviu Cídia Chissungo, do movimento de jovens que decidiu fazer valer a sua juventude lutando por causas sociais. 

Oiça aqui as suas declarações, ao microfone do correspondente da RFI em Moçambique, Orfeu Lisboa :

De referir ainda que este movimento humanitário espera poder sensibilizar os países membros SADC ( Comunidade de Desenvolvimento da África Austral), já que se encontram envolvidos nesta difícil situação cidadãos de países vizinhos.

selfpromo.newsletter.titleselfpromo.newsletter.text

selfpromo.app.text

Página não encontrada

O conteúdo ao qual pretende aceder não existe ou já não está disponível.