Acesso ao principal conteúdo
Convidado

Manuel Chang extraditado para Moçambique

Áudio 08:35
Manuel Chang, ex ministro moçambicano das finanças, no tribunal sul-africano de Kempton Park a 8 de Janeiro de 2019.
Manuel Chang, ex ministro moçambicano das finanças, no tribunal sul-africano de Kempton Park a 8 de Janeiro de 2019. Wikus DE WET / AFP

O ex-ministro moçambicano das Finanças, Manuel Chang, será extraditado para Moçambique e não para os EUA, a revelação foi feita hoje pela Ministra sul-africana das Relações Internacionais e Cooperação, Lindiwe Sisulo, numa entrevista ao jornal digital sul-africano Daily Maverick.No artigo pode ler-se que a medida, entenda-se a extradição de Manuel Chang para Moçambique, servirá para que o Governo de Maputo evite maiores danos políticos. “Vamos enviá-lo para Moçambique para ser julgado... e acreditamos que é a coisa mais fácil para todos”, garante a ministra de Pretoria.O que é que as declarações da Ministra sul-africana querem dizer? Que se trata de uma decisão política e não uma decisão de justiça? Foram as perguntas de partida feitas ao presidente do grupo de comunicação social moçambicano Mediacoop, Fernando Lima.

Página não encontrada

O conteúdo ao qual pretende aceder não existe ou já não está disponível.