Acesso ao principal conteúdo
Moçambique

ONU vai apoiar albinos em Moçambique

Imagem de arquivo.
Imagem de arquivo. STEPHANE DE SAKUTIN / AFP

Em Moçambique, as associações de defesa de pessoas com albinismo congratulam-se com a promessa da ONU de apoiar os albinos. A garantia foi deixada pelo secretário-geral da ONU, António Guterres, durante a sua visita ao país.

Publicidade

Num país onde nos últimos anos várias pessoas com albinismo foram sequestradas e assassinadas, a Organizacao das Nações Unidas, através do seu secretário-geral, garante um apoio à realização de uma campanha de sensibilização, anunciou Nuno Brito, da Associação Khanimambo.

A decisão resultou do encontro entre quatro associações que trabalham em prol das  20 mil pessoas com albinismo no país e António Guterres, durante a sua visita a Moçambique esta semana.

Estas associações congratulam-se, ainda, com o governo moçambicano pelo trabalho desenvolvido através da justiça para desencorajar a onda de perseguição e assassínio de pessoas com albinismo.

Página não encontrada

O conteúdo ao qual pretende aceder não existe ou já não está disponível.