Acesso ao principal conteúdo
Moçambique

Moçambique: Comissão dos Direitos Humanos denuncia atropelos

Human Rights Watch.
Human Rights Watch. @google

O mundo celebra, nesta terça-feira 10 de Dezembro, o Dia Internacional dos Direitos Humanos.

Publicidade

Em Moçambique, a Comissão Nacional dos Direitos Humanos denuncia uma série de atropelos aos direitos dos cidadãos e o exercício das liberdades de expressão contra jornalistas e activistas dos direitos humanos.

Ernesto Lipapa é o porta-voz da Comissão Nacional dos Direitos Humanos: “Temos recebido vários relatos sobretudo a situação vunerável em que se encontra os defensores e os activistas dos direitos humanos. No princípio deste ano tivemos que intervir num caso de detenção de jornalistas em Cabo Delgado. Fizemos esforços porque as condições em que se encontravam mereciam uma actuação nossa, e o processo seguiu os trâmites legais. Temos tido relatos de intimidações, de ameaças”.

Ernesto Lipapa também acrescentou que actuam em casos específicos e deu um exemplo: “Os casamentos prematuros nas regiões Norte, Províncias de Nampula, Cabo Delgado e Zambézia, onde esta pratica existe”.

Som recolhido pelo nosso correspondente Orfeu Lisboa.

Dia Internacional dos Direitos Humanos celebra-se a 10 de Dezembro.

NewsletterReceba a newsletter diária RFI: noticiários, reportagens, entrevistas, análises, perfis, emissões, programas.

Faça o download da aplicação

Página não encontrada

O conteúdo ao qual pretende aceder não existe ou já não está disponível.