Acesso ao principal conteúdo
Sudão do Sul/Conflito

Governo e rebeldes iniciam negociações no Sudão do Sul

Êxodo de sul-sudaneses que tentam se proteger da violência indo para campo de refugiados como este de Tomping,  em Juba capital do Suldão do Sul.
Êxodo de sul-sudaneses que tentam se proteger da violência indo para campo de refugiados como este de Tomping, em Juba capital do Suldão do Sul. REUTERS/James Akena

Uma delegação do governo do Sudão do Sul e representantes dos rebeldes iniciaram nesta terça-feira, 7 de janeiro de 2014, negociações diretas para estabelecer uma trégua no país. As discussões acontecem na Etiópia. Elas visam um cessar-fogo nos combates entre as forças fiéis ao presidente Salva Kiir e os rebeldes que apoiam o ex-vice-presidente Riek Machar.

Publicidade

O diálogo entre representantes do governo sul-sudanês e rebeldes, iniciado esta manhã, foi suspenso rapidamente, mas deve ser retomado ainda hoje. Os rebeldes condicionam o cessar-fogo à libertação de onze prisioneiros detidos pelas autoridades sul-sudanesas. Três enviados especiais foram a Juba para convencer o presidente Salva Kiir a soltar os rebeldes e devem regressar ainda hoje à Adis Abeba.

As negociações por uma trégua no Sudão do Sul são uma iniciativa da Organização Autoridade Intergovernamental para o Desenvolvimento (Igad). Um diplomata etíope ligado à Igad confirmou o início do diálogo.

Conflito

As discussões visam acabar com os confrontos entre as forças fiéis ao presidente Salva Kiir e os rebeldes partidários do ex-vice-presidente Riek Machar. O conflito começou em meados de dezembro, após a denúncia de uma tentativa de golpe de Estado. Ele também tem raízes étnicas, já que os dois líderes pertencem a comunidades rivais.

A violência já deixou cerca de mil pessoas e mais de 200 mil refugiados.

NewsletterReceba a newsletter diária RFI: noticiários, reportagens, entrevistas, análises, perfis, emissões, programas.

Faça o download da aplicação

Página não encontrada

O conteúdo ao qual pretende aceder não existe ou já não está disponível.