Acesso ao principal conteúdo
OMS/Adolescentes

Depressão é a doença que mais afeta adolescentes, alerta OMS

Depressão é a doença mais frequente na adolescência adverte a OMS.
Depressão é a doença mais frequente na adolescência adverte a OMS. Wikipédia

Um relatório divulgado nesta quarta-feira (14) pela Organização Mundial da Saúde (OMS) revela que a depressão é a principal causa de doença e incapacidade entre os jovens de 10 a 19 anos. Este é o primeiro relatório completo dedicado exclusivamente aos problemas de saúde que afetam os adolescentes.

Publicidade

A depressão atinge adolescentes dos dois sexos. Segundo o relatório da OMS, certos estudos mostram que todas as pessoas que sofrem de doenças mentais registraram os primeiros sintomas desde os 14 anos. Para a OMS, tratar os jovens a tempo poderia evitar mortes precoces e sofrimento na idade adulta.

Causas de mortes

Segundo o documento, as três primeiras causas de mortes de adolescentes são os acidentes de trânsito, a Aids e o suicídio, nessa ordem. Em 2012, 1,3 milhão de jovens de 10 a 19 anos morreu em todo o mundo. Cerca de 330 adolescentes são vítimas fatais a cada dia em acidentes de trânsito. Os garotos são as maiores vítimas, com uma taxa de mortalidade em acidentes três vezes maior do que as meninas.

As principais doenças que afetam os adolescentes, pela ordem, são a depressão, os ferimentos decorrentes de acidentes de trânsito, a anemia, a Aids, a auto-mutilação, os problemas de coluna, a diarreia, a ansiedade, a asma e as doenças respiratórias. Esses problemas são provocados pelo consumo de cigarro, álcool e drogas, pela Aids, saúde mental, alimentação, sexualidade e violência, indica a OMS.

Relatório inédito

Esta é a primeira vez que a organização publica um relatório completo dedicado aos problemas de saúde que afetam essa faixa etária. O objetivo é chamar a atenção das autoridades em todo o mundo e estimular políticas para melhorar a vida dos adolescentes. Os especialistas da OMS acreditam que essa faixa etária é fundamental para estabelecer as bases de uma boa saúde na vida adulta.

O relatório mostra ainda que menos de um quarto dos jovens faz exercícios físicos em quantidade suficiente, e que em certos países um em cada 3 jovens está obeso. O documento foi baseado em dados fornecidos por 109 países.

Página não encontrada

O conteúdo ao qual pretende aceder não existe ou já não está disponível.