Acesso ao principal conteúdo
Estado Islâmico/Terrorismo

Austrália oferece apoio terrestre contra jihadistas

O primeiro-ministro australiano, Tony Abbott, anunciou envio de tropas para integrar a coalizão.
O primeiro-ministro australiano, Tony Abbott, anunciou envio de tropas para integrar a coalizão. REUTERS/Olivia Harris

A Austrália vai participar dos ataques aéreos lançados pela coalizão internacional contra os jihadistas do grupo Estado Islâmico no Iraque, anunciou nesta sexta-feira (3) o primeiro-ministro Tony Abbott. O país também enviará militares para dar assistência e apoio às forças iraquianas em solo.

Publicidade

O chefe de governo informou que unidades das forças especiais vão ser enviadas para uma missão de "conselho e assistência" junto ao exército iraquiano na luta contra os jihadistas. No mês passado, Abbott autorizou o envio de aviões da Força Aérea e de 600 homens para os Emirados Árabes Unidos na primeira etapa da contribuição australiana para a coalizão internacional.

O contingente é composto por 8 caças Super Hornet, um aparelho de alerta e de controle,  um avião-tanque, 400 militares da Força Aérea e outros 200 integrantes das forças especiais. A participação australiana nos bombardeios aéreos já era esperada, mas a presença do pessoal em solo era menos previsível.

Até o momento, o apoio aéreo da Austrália estava limitado à distribuição de material e fornecimento de armas às forças que sustentam o governo de Bagdá. "O governo autorizou hoje ataques aéreas australianos no Iraque a pedido do governo iraquiano e em apoio ao governo iraquiano", afirmou Tony Abbott.

Austrália sob alerta para ataques de jihadistas

A Austrália está em estado de alerta devido a ameaças representadas à segurança do país pelos jihadistas que partiram para a Guerra Santa no Oriente Médio.

Autoridades estimam que 160 cidadãos australianos estão envolvidos em combates na Síria e no Iraque. Pelo menos 20 deles teriam regressado à Austrália com instruções para promover atentados no país.

 

NewsletterReceba a newsletter diária RFI: noticiários, reportagens, entrevistas, análises, perfis, emissões, programas.

Acompanhe toda a actualidade internacional fazendo download da aplicação RFI

Página não encontrada

O conteúdo ao qual pretende aceder não existe ou já não está disponível.