Acesso ao principal conteúdo
Cuba/Vaticano

Papa termina deslocação a Cuba na cidade de Santiago

Encontro entre o Papa Francisco e o ex-presidente cubano Fidel Castro
Encontro entre o Papa Francisco e o ex-presidente cubano Fidel Castro

Terceiro dia da deslocação do Papa Francisco a Cuba. O líder da Igreja Católica encontrou-se no fim-de-semana com os irmãos Castro, a quem pediu esforços normalização das relações Havana - Washington.

Publicidade

Terceira e última etapa da viagem do Papa Francisco a Cuba. O sumo pontífice desloca-se a Santiago cidade berço da revolução comunista levada a cabo por Fidel Castro.

Foi a 1 de Janeiro de 1959, que Fidel Castro, no grande porto da cidade de Santiago anunciou o sucesso da sua revolução. Santiago além de berço da revolução é conhecida pelo famoso rum e pela "trova" uma das músicas locais mais importantes.

É a segunda cidade mais populosa do país, já recebeu em 1998 o Papa João Paulo II e em 2012 foi a vez de acolher Bento XVI.

Amanhã, recebe o líder actual da Igreja Católica que tem encontro marcado com famílias na catedral da cidade e irá igualmente benzer o local muito marcado pela passagem do furacão Sandy em 2012.

De relembrar que milhares de cubanos saíram, no sábado, às ruas de Havana para receber Francisco e para lhe agradecer os esforços no restabelecimento de relações diplomáticas entre Cuba e os Estados Unidos.

O sumo pontífice foi recebido pelo presidente cubano Raul Castro e manteve ainda um encontro com ex-presidente Fidel Castro.

Amanhã a meio do dia, Francisco deixará a ilha de Cuba e viajará em direcção a Washington, Estados Unidos da América.

Página não encontrada

O conteúdo ao qual pretende aceder não existe ou já não está disponível.