Acesso ao principal conteúdo
Mundo

72 vítimas mortais em atentado no Paquistão

REUTERS/Mohsin Raza

O balanço do ataque suicida de ontem no Paquistão subiu para 72 mortes, a maioria das vítimas são mulheres e crianças.

Publicidade

A maior parte das vítimas do atentado de ontem num parque da cidade de Lahore são mulheres e crianças que se encontravam junto à zona de diversão infantil do parque Gulshan-e-Iqbal, na zona oeste da cidade.

O ataque foi reivindicado por talibãs e o objectivo era atingir cristãos que celebravam a Páscoa.

O Papa Francisco exigiu, ontem, maior protecção para a minoria cristã do Paquistão. Perante milhares de fiéis reunidos na Praça de S. Pedro classificou o atentado como "um crime vil e sem sentido, odioso e que massacrou vítimas inocentes".

O balanço feito pelo porta-voz do Governo da província de Punjab, Zaeem Qadri, esta segunda-feira, 28 de Março, dá conta que 315 pessoas ficaram feridas na sequência deste atentado.

 

selfpromo.newsletter.titleselfpromo.newsletter.text

selfpromo.app.text

Página não encontrada

O conteúdo ao qual pretende aceder não existe ou já não está disponível.