Acesso ao principal conteúdo
Peru

Próximo presidente do Peru: Fujimori ou Kuczynski

Keiko Fujimori, filha do ex-presidente Alberto Fujimori
Keiko Fujimori, filha do ex-presidente Alberto Fujimori REUTERS/Paco Chuquiure

Keiko Fujimori, filha do ex-Presidente Alberto Fujimori, foi a candidata mais votada na primeira volta das eleições presidenciais deste domingo. Ela disputará a segunda volta a 5 de Junho com Pedro Pablo Kuzcynski, de centro-direita.

Publicidade

Keiko Fujimori e Pedro Pablo Kuczynski vão à segunda volta das eleições presidenciais no Peru, de acordo com os resultados divulgados esta segunda-feira.

Keiko Fujimori terá conseguido à volta de 39% dos votos e o seu opositor, Pedro Pablo Kuczynski, cerca de 24%, quanto à terceira classificada, Verónika Mendoza, que nos últimos dias antes da primeira volta parecia poder disputar o segundo lugar, contava apenas com 17%. Aliás Verónika Mendoza já admitiu a derrota.

De referir que a vantagem de Keiko Fujimori na primeira volta é no entanto enganadora. A candidata, filha do ex-Presidente Alberto Fujimori, tentou distanciar-se do seu pai, que cumpre uma pena de 25 anos de prisão por corrupção e violação dos direitos humanos. Uma herança que pode complicar a segunda volta, aliás a grande dúvida para as eleições no mês de Junho será se o voto 'anti-Keiko', ou 'anti-Fujimori', conseguirá mobilizar-se para dar a vitória a Kuczynski.

Para Francisco Gallo Infantes, jornalista peruano, as pessoas preferiram Pedro Pablo Kuzcynski a Verónika Mendoza e sublinhou que na segunda volta, vai haver uma forte votação contra Keiko Fujimori e não a favor de Kuzcynski.

NewsletterReceba a newsletter diária RFI: noticiários, reportagens, entrevistas, análises, perfis, emissões, programas.

Faça o download da aplicação

Página não encontrada

O conteúdo ao qual pretende aceder não existe ou já não está disponível.