Acesso ao principal conteúdo
Convidado

Tiroteio em Orlando

Áudio 07:17
GEOFFROY VAN DER HASSELT / AFP

Este domingo, um homem fortemente armado entrou numa discoteca homossexual em Orlando e começou a disparar indiscriminadamente. No tiroteio 50 pessoas morreram e mais de 50 ficaram feridas. A agência de notícias ligada ao grupo extremista auto denominado Estado Islâmico garante que se tratou de um ataque cometido por um "soldado do califado".O presumível autor do tiroteio, chama-se Omar Mateen, tem 29 anos, e era um cidadão norte-americano de origem afegã. Minutos antes do ataque teria ligado aos serviços de emergência para jurar fidelidade ao DAESH.Sobre este ataque falamos com Dário de Sousa, da Associação moçambicana para a Defesa das Minorias Sexuais, Lambda, e com Boaventura Sousa Santos, sociólogo português, profundo conhecedor da sociedade norte-americana. 

Página não encontrada

O conteúdo ao qual pretende aceder não existe ou já não está disponível.