Acesso ao principal conteúdo
Reino Unido

Brexit, Theresa May e as duas Irlandas

Primeira ministra britânica, Theresa May, no 10 Downing Street em Londres, visitou neste 30 de janeiro Dublin
Primeira ministra britânica, Theresa May, no 10 Downing Street em Londres, visitou neste 30 de janeiro Dublin Reuters

A primeira-ministra britânica, Theresa May, esta segunda-feira na Irlanda. Dublin está preocupada com o facto de o Brexit levar a uma nova fronteira separando a Irlanda do Norte, sob administração britânica, da República de Irlanda.

Publicidade

A primeira ministra britânica, Theresa May, visitou, esta segunda-feira, 30 de abril, a Irlanda, tendo como pano de fundo o futuro das duas Irlandas, Brexit, a sua visita aos Estados Unidos e a União europeia.

Uma visita a Dublin, que ficou marcada por manifestações contra o convite que fez ao Presidente americano, Donald Trump, para visitar este ano o Reino Unido, quando o foco da visita era o futuro do Reino Unido, depois do Brexit, a Irlanda do Norte e a República da Irlanda.

Assim, em declarações à imprensa em Dublin, Theresa May, teve de pôr os pontos nos  ii declarando que tinha enviado "um convite ao Presidente Donald Trump" para visitar o seu país e "esse convite é para se manter".

Mas a primeira ministra britânica, aproveitou para sublinhar que tinha uma abordagem "diferente" daquela defendida pelo Presidente Trump, sobre a imigração.

Um tema que foi abordado com as autoridades de Dublin preocupadas igualmente com om o facto de Londres ter votado em prol do Brexit deixando no ar a possibilidade de nova fronteira separando a Irlanda do Norte, sob administração britânica, da República de Irlanda.

Questões aqui analisadas pelo sociólogo santomense, Adalberto Cravid, residente em Londres.

 

selfpromo.newsletter.titleselfpromo.newsletter.text

selfpromo.app.text

Página não encontrada

O conteúdo ao qual pretende aceder não existe ou já não está disponível.