Acesso ao principal conteúdo
Holanda / Eleições

Holanda : Derradeiro debate antes das legislativas

Primeiro - ministro holandês, Mark Rutte, e o seu principal adversário, Geert Wilders, líder do Partido para a Liberdade (PVV)
Primeiro - ministro holandês, Mark Rutte, e o seu principal adversário, Geert Wilders, líder do Partido para a Liberdade (PVV) DR

Os líderes dos principais partidos da Holanda participam, esta noite, num debate televisivo, para tentar convencer o eleitorado indeciso, depois duma campanha marcada pela crise diplomática com a Turquia, que colocou a imigração e o nacionalismo no centro dos debates. Estas eleições tornaram-se um “termómetro” da ascensão da extrema-direita na Europa, num ano em que têm lugar eleições em vários países.

Publicidade

O debate desta noite reveste-se duma grande importância, e poderá mesmo ser decisivo, por duas razões principais :

Primeira, porque o eleitorado se encontra indeciso, depois duma campanha em que os debates foram "parasitados" pela crise diplomática entre a Holanda e a Turquia.

Recorde-se que o Primeiro – ministro Mark Rutte proibiu vários ministros turcos de participar em comícios de apoio ao Presidente turco, em Roterdão, levantando uma celeuma nacional que quase fez esquecer as eleições.

Segunda razão do interesse do debate desta noite : Os candidatos vão dar tudo por tudo, apostando mais na sua imagem do que no discuso, pois muitos eleitores indecisos poderão ser mais sensíveis à postura dum candidato do que própriamente às diferenças políticas existentes entre ele e os outros. 

A última sondagem publicada nesta Segunda-feira, dá o Partido Liberal e Democrata (VVD) do Primeiro-ministro Mark Rutte, à frente, com 17% das intenções de voto. Ele poderá vir a obter entre 24 e 28 assentos dos 150 que compõem a Câmara Baixa do Parlamento.

O seu mais importante adversário é Geert Wilders, deputado da extrema-direita, do Partido para a Liberdade (PVV), que goza de 14% das intenções de voto, e poderá obter entre 20 e 24 assentos.

O escrutínio tem lugar amanhã, Quarta-feira, e o próximo Governo poderá vir a ser composto por quatro ou cinco partidos, ou seja, uma coligação duma grande fragilidade.

 

NewsletterReceba a newsletter diária RFI: noticiários, reportagens, entrevistas, análises, perfis, emissões, programas.

Faça o download da aplicação

Página não encontrada

O conteúdo ao qual pretende aceder não existe ou já não está disponível.