Acesso ao principal conteúdo
Estados Unidos

Furacão provoca mortes em Carolina do norte dos Estados Unidos

Furacão Florence nas proximidades da cidade turística de New Bern, Carolina do Norte, Estados Unidos
Furacão Florence nas proximidades da cidade turística de New Bern, Carolina do Norte, Estados Unidos REUTERS/Eduardo Munoz

A tempestade tropical Florence em Carolina do Norte nos Estados Unidos já provocou até agora 5 mortos, vários feridos e estragos, enquanto as autoridades tentam socorrer dezenas de habitantes apanhados por chuvas diluvianas e rajadas de vento.

Publicidade

As autoridades oficiais anunciaram 4 mortos  no furacão Florence que atinge desde ontem a costa atlântica dos Estados Unidos nomeadamente na Carolina do Norte, mas a imprensa anunciou hoje um quinto morto.

"Florence está a diminuir de velocidade no interior da Carolinas do norte e do sul mas provocou inundações catastróficas em terras das duas Carolinas", anunciou o Centro nacional de Furacões.

Por seu lado, o governador da Carolina do Norte, Roy Cooper, declarou, que "as enxurradas vão continuar nos próximos dia", qualificando, as precipitações, como o "acontecimento do milénio".

Acompanhado de chuvas torrenciais e ventos violentos, o olho do furacão atingiu ontem as terras nas proximidades de Wrightsville Beach, Carolina du Norte, com rajadas de vento de 150 km/hora.

Mas esta manhã, os ventos baixaram para 80 km/h, segundo o Centro nacional de Furacões.

Equipas de socorro e protecção civil, estão a assistir centenas de pessoas da cidade turística de New Bern, com os seus 300 mil habitantes, na Carolina do Norte, cidade que foi fortemente atingida pelo furacão. 

Milhões de pessoas das duas Carolinas, vão ficar sem água e electricidade devido aos estragos provocados pelo furacão.

Enfim, as autoridades americanas, deram indicações a cerca de 1,7 milhões de pessoas para abandonarem as suas casas antes da chegada do furacão, que encurralou centenas de pessoas que preferiram ficar nas suas regiões. 

Página não encontrada

O conteúdo ao qual pretende aceder não existe ou já não está disponível.