Acesso ao principal conteúdo
Emirados Árabes Unidos / Papa Francisco

Missa histórica do Papa Francisco em Abou Dhabi

O Papa Francisco, à chegada ao estádio Zayed Sports City de Abou Dhabi, para celebrar uma grande missa histórica, a 5 de Fevereiro de 2019
O Papa Francisco, à chegada ao estádio Zayed Sports City de Abou Dhabi, para celebrar uma grande missa histórica, a 5 de Fevereiro de 2019 Vatican Media/­Handout via REUTERS

Missa num estádio de Abou Dhabi, perante mais de 120.000 fiéis, marcou o fim da visita histórica do Papa Francisco aos Emirados Árabes Unidos, a primeira dum Sumo Pontífice à península Arábica. 

Publicidade

É a primeira vez que um chefe da Igreja Católica visita os Emirados Árabes Unidos, situados na península Arábica, berço do Islão.

A visita do Papa Francisco destinava-se sobretudo a reforçar as relações entre a Igreja Católica e as autoridades muçulmanas. Durante três dias, o Papa Francisco apelou ao diálogo inter-religioso, exortou todos os povos do Mundo a praticar a fraternidade, e deixou uma mensagem muito particular aos cristãos, para que estes sejam "os artesãos da Paz no Mundo".

Esta visita do Papa Francisco revestia-se de grande importância para o Catolicismo, em países muçulmanos que nem sempre são tolerantes quanto à prática de outras religiões. Os Emirados Árabes Unidos, por exemplo, apenas permitem a prática do Cristianismo se ele fôr discreto, e praticado em Igrejas.

Recorde-se que há cerca de um milhão de católicos neste país. A maioria de católicos é composta por trabalhadores asiáticos, que praticam esta religião em oito igrejas ali existentes.

E foi precisamente com uma missa que terminou a visita do Papa Francisco aos Emirados Árabes Unidos, no gigantesco estádio Zayed Sports City, da capital, Abou Dhabi. Uma missa ao ar livre ,em presença de mais de 120.000 fiéis de mais de cem nacionalidades, que vieram até ali transportados gratuitamente em 2.000 autocarros.    

NewsletterReceba a newsletter diária RFI: noticiários, reportagens, entrevistas, análises, perfis, emissões, programas.

Acompanhe toda a actualidade internacional fazendo download da aplicação RFI

Página não encontrada

O conteúdo ao qual pretende aceder não existe ou já não está disponível.