Acesso ao principal conteúdo
Reino Unido / União Europeia

União Europeia debruça-se novamente sobre o Brexit

Nesta cimeira extraordinária, os líderes europeus decidem se é novamente adiado o Brexit.
Nesta cimeira extraordinária, os líderes europeus decidem se é novamente adiado o Brexit. Olivier Hoslet/Pool via REUTERS

Decorre hoje em Bruxelas a cimeira decisiva sobre o futuro do Brexit. Neste encontro, a Primeira-ministra britânica Theresa May pretende obter uma extensão do prazo de saída do Reino Unido da União Europeia até ao 30 de Junho, sendo que actualmente está previsto que o acordo de divórcio entre em vigor já a partir da próxima Sexta-feira, sem que por enquanto tenha havido acordo entre os partidos políticos no Reino Unido.

Publicidade

Neste sentido, May pediu formalmente nesta Segunda-feira um novo adiamento de modo a ter a possibilidade de alcançar um acordo com os partidos britânicos que possa evitar uma saída desordenada do bloco comunitário.

Embora ainda antes da cimeira, o Presidente francês Emmanuel Macron declarasse que "nada estava adquirido", os 27 parecem estar inclinados a conceder um novo adiamento. Contudo, os parceiros da Grã-Bretanha deverão decidir qual a extensão do prazo e as suas condições, já que durante esse período de extensão, o Reino Unido vai continuar a ser membro da UE com os mesmos direitos e garantias que os restantes 27, mas estará de saída e não deverá afectar o bom funcionamento da União Europeia.

Antes desta cimeira, reuniram-se os líderes da França, Bélgica, Holanda e Dinamarca, os países mais afectados por um eventual cenário de um Brexit sem acordo. O objectivo é garantir uma coordenação política se esse cenário -o do Brexit sem acordo- que ninguém quer, se concretizar.

Página não encontrada

O conteúdo ao qual pretende aceder não existe ou já não está disponível.