Acesso ao principal conteúdo
Convidado

Open Arms: "a política está à frente da vida humana"

Áudio 12:13
Um migrante que saltou do navio de resgate espanhol Open Arms é transportado numa maca, em Lampedusa, 20 de Agosto de 2019.
Um migrante que saltou do navio de resgate espanhol Open Arms é transportado numa maca, em Lampedusa, 20 de Agosto de 2019. REUTERS/Guglielmo Mangiapane

Os dois navios humanitários Ocean Viking e Open Arms continuam bloqueados no mar mediterrâneo com centenas de migrantes a bordo.A incerteza e o desespero têm assombrado os dois navios que se encontram ao largo da Itália à espera de autorização para atracar num porto europeu.A bordo dos dois navios encontram-se 463 migrantes a viver em condições de desespero. "Enquanto não se cumprem direitos básicos, criminaliza-se a ajuda humanitária", lamenta Ana Lemos, directora geral da Médicos sem fronteiras Brasil.

Página não encontrada

O conteúdo ao qual pretende aceder não existe ou já não está disponível.