Acesso ao principal conteúdo
CIÊNCIA

Alterações climáticas: milhões de pessoas em perigo nas zonas costeiras

Relatório da ONU indica que um quarto do gelo permanente acumulado em regiões como Ártico vai derreter até 2100
Relatório da ONU indica que um quarto do gelo permanente acumulado em regiões como Ártico vai derreter até 2100 AFP

Neste magazine "Ciências" focamos a análise no relatório do Painel Intergovernamental para as Alterações Climáticas (IPCC) da ONU que alerta para a irreversibilidade das alterações climáticas.

Publicidade

Na passada terça-feira, o relatório apresentado pela ONU dá conta de que os efeitos das alterações climáticas nos oceanos são já irreversíveis, mas alerta que caso nada seja feito para reduzir as emissões de gases com efeito de estufa  o cenário será ainda pior.

O documento aponta para cenários de maiores inundações costeiras, tempestades tropicais mais frequentes, maior degelo e milhões de pessoas que vivem junto à costa marítima em risco. Alguns territórios insulares podem mesmo vir a tornar-se inabitáveis.

O relatório elaborado por 104 autores de 36 países diferentes acusa os governos ao dizer que as suas acções não são "suficiente rápidas nem robustas".

Para uma análise ao documento a RFI falou com Samuel Mondlane, técnico para a área de justiça climática e energética da Organização Não Governamental (ONG) moçambicana Justiça Ambiental. O especialista fala numa necessidade de repensar o modelo económico das sociedades.

O técnico para a área de justiça climática apela ainda a que se tomem medidas que cortem o problema e não apenas o atenuem, sendo que vê com bons olhos o activismo dos jovens na questão climática. "Uma forma de pressionar" que vai "trazer alguma mudança", diz.

O relatório sobre os oceanos e a criosfera foi feito ao longo de dois anos e reuniu informação contida em cerca de sete mil estudos vai agora ser apresentado na conferência das Nações Unidas sobre Alterações Climáticas de 2019, a COP25, que se realiza no Chile, em dezembro.

selfpromo.newsletter.titleselfpromo.newsletter.text

selfpromo.app.text

Página não encontrada

O conteúdo ao qual pretende aceder não existe ou já não está disponível.