Acesso ao principal conteúdo
PORTUGAL

Portugal chora morte de músico José Mário Branco

José Mário Branco, aqui em fotografia de arquivo de 22 de Outubro de 2009, faleceu em Lisboa com 77 anos.
José Mário Branco, aqui em fotografia de arquivo de 22 de Outubro de 2009, faleceu em Lisboa com 77 anos. Lusa

Foi hoje anunciada em Portugal a morte do músico José Mário Branco com 77 anos, ele que no ano passado completara meio século de carreira. O chefe de Estado, Marcelo Rebelo de Sousa, saudou uma voz inconfundível de "uma geração de Abril", referindo-se à Revolução democrática dos cravos de 25 de Abril de 1974 que lhe permitiu voltar ao país a partir do seu exílio em França.

Publicidade

José Mário Branco era inconfundível, inconfundível na sua voz, na sua independência, na sua rebeldia, na sua não-acomodação. Nunca aceitou honrarias nem condecorações em vida, e sempre insatisfeito. Para José Mário Branco havia uma parte de Abril que estava por realizar. Por isso ele continuou sempre a ser portador dessa insatisfação, em música”, afirmou o chefe de Estado português.

Marcelo Rebelo de Sousa lembra que o defunto sempre recusou ser condecorado e que uma homenagem póstuma dependeria do consentimento da família.

José Mário Branco faleceu em Lisboa com 77 anos de idade, natural do Porto onde nasceu em Maio de 1942, ele é tido como um dos mais conceituados autores da música portuguesa.

O seu contributo para a mesma passou, na década de 60, por músicas aquando do seu exílio francês e, no regresso a Portugal, com a Revolução dos cravos de 1974 que permitiu a democratização do país.

Um trabalho que foi também extensivo ao teatro, onde integrou a companhia A Comuna, nomeadamente, mas também ao cinema, colaborou com muitos outros artistas.

Fundou também o Grupo de Acção cultural, próximo da UDP, a União democrática popular, de extrema esquerda.

"Mudam-se os tempos, mudam-se as vontades", foi um dos temas mais conhecidos da sua carreira.

Página não encontrada

O conteúdo ao qual pretende aceder não existe ou já não está disponível.