Acesso ao principal conteúdo
Coronavírus

Coronavírus: Itália utrapassa número de mortos registados na China

Checkpoint medical no hospital de Brescia, em Italie, 3 de Março de 2020.
Checkpoint medical no hospital de Brescia, em Italie, 3 de Março de 2020. REUTERS/Flavio Lo Scalzo

O número de mortos em Itália subiu para 3500, ultrapassando o número de óbitos registado na China. O país regista mais de 41 mil infectados.

Publicidade

As autoridades italianas temiam um cenário que acabou por se confirmar. Nas últimas 24 horas, registaram-se mais 427 mortos no território, ultrapassando o número de óbitos registado na China.

O primeiro-ministro italiano que veio anunciar esta quinta-feira que o período de quarentena seria prolongado até ao mês de Abril.

Espanha, em quarentena desde a semana passada, registou hoje mais de 160 vítimas mortais. O Ministério da Saúde espanhol que espera atingir o "pico máximo" da epidemia do daqui "a poucos dias" pediu …a continuação das medidas de "distanciamento social" lançadas pelo executivo.

Num discurso transmitido em directo, a chanceler alemã disse o país não enfrentava um desafio como este desde a Segunda Guerra Mundial.

Angela Merkel reiterou que deposita toda a confiança nos investigadores que trabalham em contra relógio para encontrar uma cura para a doença. A Alemanha que regista actualmente mais de 14 mil infectados pelo covid-19.

O Reino Unido, onde mais de 2600 pessoas estão infectadas, anunciou hoje o encerramento das escolas e universidades. O primeiro-ministro Boris Johnson estava sobre pressão, devido às estratégias de combate ao novo coronavírus, afirmou que chegou o momento de agir.

A China registou o primeiro dia sem um único caso de transmissão local em todo o país, um marco importante na luta contra este novo coronavírus.

NewsletterReceba a newsletter diária RFI: noticiários, reportagens, entrevistas, análises, perfis, emissões, programas.

Acompanhe toda a actualidade internacional fazendo download da aplicação RFI

Página não encontrada

O conteúdo ao qual pretende aceder não existe ou já não está disponível.