Acesso ao principal conteúdo
Coronavírus

Covid-19: Segundo dia consecutivo sem mortos na Coreia do Sul

Seul, capital sul-coreana.
Seul, capital sul-coreana. © REUTERS - KIM HONG-JI

Em quase três meses a Coreia do Sul não vivia dois dias consecutivos sem mortos devido à pandemia de Covid-19. Uma melhoria na situação sanitária que permitiu, entre outras actividades, o arranque do campeonato sul-coreano de futebol.

Publicidade

A pandemia de Covid-19 causou a morte de 256 vítimas, e infectou 10 840 pessoas na Coreia do Sul. No entanto pelo segundo dia consecutivo, não houve nenhuma morte no país asiático, algo que apenas tinha acontecido a 24 e 25 de Abril, desde os primeiros casos e mortos que ocorreram no fim do mês de Janeiro. Em três meses eis os primeiros dias sem mortos na Coreia do Sul.

Para o atleta brasileiro Gustavo Vintecinco, que vive na Coreia do Sul, a pandemia de Covid-19 está controlada, admitindo que o Governo reagiu rapidamente e realçando o comportamento dos cidadãos sul-coreanos.

«Na Coreia do Sul hoje a situação é bem mais tranquila. A questão do Covid-19 está bem controlada. O Governo conseguiu ter um controlo da população, conseguiu neutralizar bem o Covid-19 e conseguiu acabar com os casos. Houve vários dias sem casos, se bem que programaram o regresso do campeonato de futebol. A população também reagiu bem. Houve casos na minha cidade, uns 60 casos. A Coreia do Sul é um país então o vírus se espalhou muito rápido. Em Fevereiro quando eu voltei para a Coreia do Sul, eles estavam a pedir muito para ficar em casa, tanto que as ruas e os comércios estavam vazios. As pessoas iam trabalhar normalmente mas, mesmo com mascara ou com gel hidroalcoólico, as pessoas não saiam por conta própria», sublinhou o futebolista brasileiro.

Gustavo Vintecinco, atleta brasileiro

Com poucos casos confirmados por dia e com um número de mortos reduzido por dia, não tendo ultrapassado as duas mortes, no máximo, desde 17 de Abril.

Uma situação que permitiu o arranque da liga sul-coreana de futebol. Na sexta-feira, o Jeonbuk Motors, Campeão 2019, venceu por 1-0 o Suwon Bluewings. Já neste sábado o Gwangju, do avançado brasileiro Willyan Barbosa, perdeu por 0-2 frente ao Seongnam IC.

No domingo a primeira jornada fica encerrada com dois encontros, entre eles o Busan IPark que se desloca ao terreno do Pohang Steelers. Gustavo Vintecinco, avançado brasileiro do Busan IPark, admitiu que os jogadores estão ansiosos por voltar a jogar.

 

Gustavo Vintecinco, avançado brasileiro do Busan IPark.
Gustavo Vintecinco, avançado brasileiro do Busan IPark. © Cortesia Gustavo Vintecinco

 

«Acho que esse é o momento mais esperado, não só por mim mas também por todos os jogadores. Todos os jogadores querem estar a jogar, querem competir. Estamos ansiosos por começar. A preparação foi boa, com este problema do vírus, tivemos mais tempo para nos preparar e a equipa ficou mais entrosada. A equipa está preparada tanto fisicamente como psicologicamente. Não vejo a hora de me estrear e de jogar novamente, sendo que a competição começa no domingo para nós», concluiu o avançado de 24 anos.

Gustavo Vintecinco, avançado do Busan

Recorde-se que o início do campeonato sul-coreano estava agendado para 29 de Fevereiro, mas apenas começou nesta sexta-feira 8 de Maio.

NewsletterReceba a newsletter diária RFI: noticiários, reportagens, entrevistas, análises, perfis, emissões, programas.

Acompanhe toda a actualidade internacional fazendo download da aplicação RFI

Página não encontrada

O conteúdo ao qual pretende aceder não existe ou já não está disponível.