Acesso ao principal conteúdo
EU/São Tomé e Príncipe

FAO ajuda São Tomé a sair do embargo

São João dos Angolares, distrito de Cauê, São Tomé
São João dos Angolares, distrito de Cauê, São Tomé RFI/Liliana Henriques

A Organização das Nações Unidas para a Alimentação e Agricultura-FAO-  está a ajudar São Tomé e Príncipe a sair do embargo à exportação do pesaco que há vários anos a União Europeia impôs ao país. A UE alegou falta de condições de higiene no tratamento do pescado.

Publicidade

A Organização das Nações Unidas para a Alimentação e Agricultura-FAO- está a apoiar financeiramente São Tomé e Príncipe a sair do embargo imposto pela União Europeia. O projecto visa implementar um processo de melhoria de captura e comercialização dos produtos de pesca.

As mudanças passam ainda pela formação dos técnicos de direcção de pescas e das vendedoras de peixe.

O país pretende dotar-se igualmente de um laboratório de análise de produtos de pesca.

A União Europeia impôs, há vários anos ao arquipélago, um embargo à exportação do pescado para a Europa, alegando falta de condições de higiene no tratamento do pescado.

A União Europeia deve levantar o embargo ao país no próximo ano.

Com a colaboração de Máximino Carlos, correspondente em São Tomé.

Página não encontrada

O conteúdo ao qual pretende aceder não existe ou já não está disponível.