Acesso ao principal conteúdo
São Tomé e Príncipe

STP: Governo e Presidente, apenas “situações de mal-estar”

Elsa Pinto, Ministra dos Negócios Estrangeiros, Cooperação e Comunidades de São Tomé e Príncipe
Elsa Pinto, Ministra dos Negócios Estrangeiros, Cooperação e Comunidades de São Tomé e Príncipe Cristiana Soares

Não há incompatibilidades entre Governo e Presidente, apenas “situações de mal-estar” na interpretação de normas, que são resolvidas internamente “à boa maneira democrática”, quem o diz é Elsa Pinto, Ministra dos Negócios Estrangeiros, Cooperação e Comunidades de São Tomé e Príncipe.

Publicidade

A chefe da diplomacia são-tomense marca presença no Conselho Executivo da União Africana, que termina hoje em Addis Abeba, Etiópia.

Ao microfone da RFI a governante sublinhou que “África tem de mudar de paradigma (…) exercício democrático de poder, contraditório democrático e, a partir daí, a [dar início à elaboração] de políticas públicas direccionadas às pessoas”.

Apesar da questão dos refugiados e deslocados forçados não afectar directamente o arquipélago, a chefe da diplomacia são-tomense lembrou a proximidade com a Nigéria, que luta contra a pirataria e o terrorismo, assusta São Tomé: “este quadro negro que acontece hoje na nossa sub-região é bastante preocupante, calamitoso até para os são-tomenses”.

A Ministra dos Negócios Estrangeiros, Cooperação e Comunidades avançou igualmente que São Tomé e Príncipe jà em Conselho de Ministro o acordo que cria a Zona de Comércio Livre Continental Africana (ZLECA). Documento que deverá ser ratificado pela Assembleia até dia 15 de Fevereiro.

Questionada sobre as divergências internas entre Governo e Presidente de São Tomé e Príncipe, Elsa Pinto nega incompatibilidades e ressalva uma coabitação normal: “não há incompatibilidades nenhumas (…) agora pode haver situações de mal-estar pela interpretação de uma norma ou outra, mas há nossa boa maneira democrática (…) resolvemos os nossos problemas.”

Página não encontrada

O conteúdo ao qual pretende aceder não existe ou já não está disponível.