Chegou a Cabo Verde o catamarã que irá ligar as ilhas de Sotavento

A Semana online

O catamarã “Kriola”, um dos barcos da empresa Cabo Verde Fast Ferry (CVFF), que irá fazer a ligação entre as ilhas do sul do país, chegou ontem ao porto da Praia.

Publicidade

O navio “Kriola” era aguardado com muita expetativa, principalmente pela população da ilha Brava, afetada por problemas de ligação marítima.

Sendo uma das duas ilhas que não possuem aeroporto, as viagens de e para a Brava só podem ser feitas de barco, mas as ligações são muito irregulares, tendo períodos em que a ilha fica sem ligação marítima por mais de uma semana, por falta de navios ou avarias nas embarcações existentes.

Especificamente construído em Singapura para navegar nas águas cabo-verdianas, o “Kriola” é o primeiro de um grupo de duas embarcações rápidas e modernas, que irão fazer a ligação Praia/Fogo/Brava/Maio, ligando assim as ilhas de Sotavento.

Camilo de Andrade Gonçalves, Presidente da Câmara Municipal da Brava, destaca a importância da inauguração desta rota, que irá aproximar a ilha do resto do arquipélago.

Camilo de Andrade Gonçalves, entrevistado por Leonardo Silva

Com uma velocidade de 20 nós por hora, cada uma das embarcações mede 43 metros de comprimento e pode transportar 158 passageiros, 16 viaturas ligeiras e mais três camiões de 60 toneladas de carga.

O outro barco, batizado com o nome de "Liberdadi", deverá, de acordo com os responsáveis da CVFF, chegar a Cabo Verde entre Abril e Maio deste ano para interligar as ilhas de Barlavento.

Para os promotores da iniciativa e as autoridades cabo-verdianas, este projeto é uma das alternativas encontradas, visando a melhoria dos transportes marítimos em Cabo Verde.

A companhia marítima Cabo Verde Fast Ferry é formada por empresários cabo-verdianos residentes no país e nos Estados Unidos da América que, para a materialização do projeto, fizeram um empréstimo obrigacionista de cerca de 1,5 milhões de contos (13,6 milhões de euros), contando com um subsídio do Estado de um milhão de euros.

NewsletterReceba a newsletter diária RFI: noticiários, reportagens, entrevistas, análises, perfis, emissões, programas.