Líbia

Grupo de Contacto sobre a Líbia aprova ajuda financeira à rebelião

Grupo de Contacto aprova ajuda financeira à rebelião anti-Kadhafi.
Grupo de Contacto aprova ajuda financeira à rebelião anti-Kadhafi. Photo Otan
Texto por: Cristiana Soares
2 min

A primeira reunião do Grupo de Contacto sobre a Líbia que teve lugar em Doha sob a presidência conjunta da Grã-Bretanha e do Qatar e na presença do secretário-geral da ONU, Ban Ki-Moon, chegou a acordo no que diz respeito a uma ajuda financeira à rebelião anti-Kadhafi.

Publicidade

No comunicado final, o Grupo de Contacto reafirmou a sua união nas decisões, voltou a dizer que o regime de Mouammar Kadhafi perdeu a sua legitimidade e, por isso, deve sair do poder e permitir ao povo líbio a escolha do seu futuro. Os aliados ocidentais dizem que vão continuar a adotar medidas contra as tropas de Kadhafi, apelaram a um cessar-fogo imediato e ao fim da violência Vão, ainda, continuar a suportar a oposição líbia e entenda-se todas as formas de suporte material e decidiram aplicar um mecanismo financeiro temporário, que permita ao Conselho Nacional de Transição gerir a ajuda humanitária

Destaque por fim para um outro ponto: o Grupo de Contacto sobre a Líbia considera que uma solução política é a única via capaz de assegurar a paz duradoura no país.

A reunião aconteceu, quatro semanas depois do início de uma intervenção militar internacional sob mandato da ONU e tenta encontrar uma solução política para a crise que se vive no país.

O momento fica marcado por divergências: primeiro o impasse nos combates entre as forças da rebelião e os pró-Kadhafi, depois Londres e Paris a defenderem uma ação mais dura da Aliança, os rebeldes a pedirem à NATO que intensifique os ataques e, por fim, Washington a apelar a uma solução politica

À entrada para a reunião, o Secretario Geral da ONU, Ban Ki-Moon, pediu união à comunidade internacional na estratégia a ser adotada e lembrou que cerca de 3, 6 milhões de pessoas necessitam de ajuda humanitária na Líbia.
 

NewsletterReceba a newsletter diária RFI: noticiários, reportagens, entrevistas, análises, perfis, emissões, programas.