Acessar o conteúdo principal
Moçambique

Parceiros vão doar 416 milhões de euros para OGE de Moçambique

Bairro de lata em Maputo
Bairro de lata em Maputo
Texto por: RFI
4 min

O grupo de 19 países ocidentais que apoiam em cerca de 40% o Orçamento Geral do Estado moçambicano, vai canalizar mais de 416 milhões de euros para 2015, após atrasos nos desembolsos este ano devido a questões ligadas com falta de transparência fiscal e de controlo de alguns investimentos públicos.

Publicidade

O anúncio foi feito hoje (12/06) após um encontro com o governo do grupo designado G19, ou Parceiros de Apoio Programático, que continuarão a apoiar o orçamento moçambicano e o Plano de Acção de Redução da Pobreza, mau grado as críticas tecidas e a exigência de esclarecimentos, designadamente sobre o financiamento público à empresa EMATUM - Empresa Moçambicana de Atum - criada em Agosto de 2013 e que um mês depois efectuava uma polémica compra à França de 24 barcos de pesca e 6 patrulheiros, num negócio opaco avaliado em 300 milhões de euros e avalizado pelo Estado moçambicano, quando esta soma equivale a mais de 86% do OGE moçambicano, financiado em grande parte por estes doadores.

Na altura o vice-ministro dos Negócios Estrangeiros Henrique Banze, afirmou que o dinheiro deste negácio, provinha de um crédito de um país estrangeiro, que se escusou a citar. 

Aiuba Cuereneia, ministro moçambicano da Planificação e Desemvolvimento, que no ano passado desmentiu que o Estado se tenha individado para esta compra, agradeceu hoje o apoio do G19, e afirmou que este será utilizado de forma criteriosa, estratégica e racional, para a expansão de serviços sociais básicos, aumento do nível de produção e produtividade agrárias e promoção do emprego.

À margem deste encontro, este mesmo grupo mostrou-se hoje disponível para ajudar a buscar soluções, para a resolução da crise politico-militar que Moçambique atravessa, "a comunidade internacional pode ajudar, se o governo e as partes o quiserem", afirmou a embaixadora da Suécia em Maputo Ulla Andéin. 

Orfeu Lisboa, correspondente em Maputo

NewsletterReceba a newsletter diária RFI: noticiários, reportagens, entrevistas, análises, perfis, emissões, programas.

Página não encontrada

O conteúdo ao qual você tenta acessar não existe ou não está mais disponível.