Acessar o conteúdo principal
MOÇAMBIQUE

Afonso Dhlakama e Filipe Nyusi, à beira de um encontro na capital moçambicana

Maputo, capital moçambicana, onde o encontro deverá decorrer entre o líder da Renamo e o presidente da República.
Maputo, capital moçambicana, onde o encontro deverá decorrer entre o líder da Renamo e o presidente da República. noticias.sapo.mz
Texto por: RFI
4 min

O líder da Renamo e principal partido de oposição em Moçambique, Afonso Dhlakama, suspendeu a sua agenda no norte do país e regressa esta noite a Maputo para perspetivar um eventual encontro com o Presidente da República, Filipe Nyusi.

Publicidade

Sem data marcada, a presidência da República revelou em Maputo estar para breve o encontro entre o líder da Renamo, Afonso Dhlakama, e o presidente moçambicano, Filipe Nyusi.

"A qualquer altura pode acontecer esse encontro, portanto é por isso que o presidente não foi a Addis Abeba, por conseiderar que as questões internas são muito importantes neste momento", afirmou o conselheiro do chefe de Estado, António Gaspar.

Neste momento decorrem conversações entre os dois partidos para encontrar-se uma solução.

De recordar que durante a cerimónia do 3 de Fevereiro, dia dos heróis, o presidente da República anunciou essa disponibilidade para se encontrar com o líder da Renamo, por forma a pôr fim à crise política, desencadeada pela rejeição pela Renamo dos resultados das eleições de 15 de Outubro. Rejeição igualmente pela exigência da oposição de criar regiões autónomas no centro e norte do país, onde a Renamo reclama ter conquistado a maioria dos votos.

Mais pormenores com o nosso correspondente em Maputo, Orfeu Lisboa.

Correspondência de Moçambique

NewsletterReceba a newsletter diária RFI: noticiários, reportagens, entrevistas, análises, perfis, emissões, programas.

Página não encontrada

O conteúdo ao qual você tenta acessar não existe ou não está mais disponível.