Acessar o conteúdo principal
CABO VERDE

Celebra-se o 40° aniversário da independência de Cabo Verde

Jorge Carlos Fonseca, presidente de Cabo Verde, diante do memorial do Amílcar Cabral.
Jorge Carlos Fonseca, presidente de Cabo Verde, diante do memorial do Amílcar Cabral. Liliana Henriques/RFI
Texto por: RFI
17 min

Em Cabo Verde assinala-se hoje os quarenta anos de independência no país. O Presidente Cabo-verdiano, Jorge Carlos Fonseca, apelou para se acelerar e aprofundar a reforma do Estado em todas as suas vertentes, entendendo que, apesar das inovações, os resultados continuam "aquém" das expectativas e das possibilidades do país.

Publicidade

Esta manhã o Presidente Cabo-verdiano, Jorge Carlos Fonseca, depositou uma coroa de flores no memorial de Amílcar Cabral e em seguida decorreu uma sessão solene do Parlamento. Antes disso, ontem à noite, as celebrações do quadragésimo aniversário da independência decorreram no estádio da Várzea onde há quarenta anos foi proclamada a independência. Liliana Henriques esteve lá e tomou o pulso dos jovens que lá se encontravam.

Crónica de Liliana Henriques

O chefe de Estado, Jorge Carlos Fonseca, em entrevista à RFI, falou do despertar da sua consciência política para a luta pela independência de Cabo Verde.

Jorge Carlos Fonseca em entrevista à RFI

O primeiro-ministro, José Maria Neves, falou dos ganhos e os desafios que há pela frente, quarenta anos depois da independência.

O Presidente, Jorge Carlos Fonseca, apelou para se acelerar e aprofundar a reforma do Estado em todas as suas vertentes, entendendo que, apesar das inovações, os resultados continuam "aquém" das expectativas e das possibilidades do país.

Jorge Carlos Fonseca abordou a reforma do Estado

A poucos meses para o fim do seu mandato e com eleições legislativas marcadas para o primeiro trimestre do ano que vem, o primeiro-ministro, José Maria Neves, lembrou que os últimos quinze anos foram decisivos para o país.

José Maria Neves e os últimos 15 anos decisivos em Cabo Verde

O primeiro-ministro de Cabo Verde, José Maria Neves, em entrevista à RFI, falou ainda dos seus projectos quando deixar a chefia do governo acrescentando ainda que espera que nos próximos anos o país continue no caminho da transformação.

José Maria Neves em entrevista à RFI

Reagindo às críticas da oposição que ultimamente tem apelado a uma mudança radical de estratégia governativa. José Maria Neves considera que tanto a oposição como a maioria concordam no essencial.

José Maria Neves e a oposição

O primeiro-ministro de Portugal, Pedro Passos Coelho, marcou presença nas celebrações dos quarenta anos de independência de Cabo Verde. Em conferência de imprensa afirmou que é com grande respeito que olha para todo o caminho que os cabo-verdianos fizeram nestas quatro décadas.

Pedro Passos Coelho e o respeito por Cabo Verde

O primeiro-ministro português abordou outros assuntos e disse em Cabo Verde estar a aguardar pelos resultados do referendo grego, mas insistiu em que, quaisquer que sejam, há países europeus que "emprestaram muito dinheiro" e que a questão não pode ser esquecida.

Pedro Passos Coelho espera pelos resultados do referendo grego

Para assinalar as quatro décadas de independência foi inaugurada no arquivo nacional na cidade da Praia uma exposição referente à luta de libertação nacional. Mário Lúcio Sousa, ministro da cultura de Cabo Verde, reconheceu a importância desta mostra que se irá deslocar a outras localidades do país.

Mário Lúcio Sousa, ministro da cultura de Cabo Verde

Entrevistas realizadas e sons recolhidos pela nossa enviada especial, Liliana Henriques.

NewsletterReceba a newsletter diária RFI: noticiários, reportagens, entrevistas, análises, perfis, emissões, programas.

Página não encontrada

O conteúdo ao qual você tenta acessar não existe ou não está mais disponível.