Fortunas americanas

Criador do Facebook já é mais rico do que Steve Jobs, segundo 'Forbes'

Mark Zuckerberg, fundador do Facebook
Mark Zuckerberg, fundador do Facebook Reuters

Na lista da revista de economia com as 400 maiores fortunas americanas, fundador da Microsoft, Bill Gates, continua em primeiro lugar, com US$ 54 bilhões. Mark Zuckerberg, fundador do Facebook tem US$ 6,9 bilhões, a frente do patrão da Apple, com US$ 6,1 bilhões.

Publicidade

O fundador da rede social na internet Facebook, o jovem Mark Zuckerberg, de 26 anos, já é mais rico do que o patrão da gigante da tecnologia Apple, Steve Jobs. A lista deste ano das 400 maiores fortunas dos Estados Unidos foi divulgada nesta quinta-feira pela revista de economia Forbes. Zuckerberg teve a fortuna estimada em US$ 6,9 bilhões, contra US$ 6,1 bilhões de Jobs.

Com tanto dinheiro, o jovem decidiu fazer uma doação de US$ 100 milhões destinada às escolas públicas da cidade de Newark, perto de Nova Iorque. A informação foi divulgada pelo jornal New York Times. O sucesso do Facebook também vai proporcionar a Zuckerberg o lançamento mundial do filme “The Social Network” (título original), no próximo dia 1 de outubro nos cinemas americanos.

Pela décima-sétima vez consecutiva, o fundador da Microsoft, Bill Gates, encabeça o ranking, com US$ 54 bilhões, US$ 4 bilhões a mais do que no ano passado. Além de Gates, mais da metade dos bilionários americanos conseguiram aumentar suas fortunas, apesar dos efeitos da crise financeira mundial, que começou em 2008 justamente nos Estados Unidos.

Em segundo lugar na lista da Forbes ficou o investidor Warren Buffett, com uma fortuna estimada em U$ 45 bilhões. Larry Ellison, fundador da Oracle, aparece em terceiro lugar, com U$ 27 bilhões.

A seguir, os dez homens mais ricos dos Estados Unidos, segundo a Forbes:

Bill Gates (Microsoft) - US$ 54 bilhões
Warren Buffett (Berkshire Hathaway) - US$ 45 bilhões
Larry Ellison (Oracle) - US$ 27 bilhões
Christy Walton (Walmart) - US$ 24 bilhões
Charles Koch (setor de energia) - US$ 21,5 bilhões
David Koch (setor de energia) - US$ 21,5 bilhões
Jim Walton (Walmart) - US$ 20,1 bilhões
Alice Walton (Walmart) - US$ 20 bilhões
S. Robson Walton (Walmart) - US$ 19,7 bilhões
Michael Bloomberg (Bloomberg) - US$ 18 bilhões
 

NewsletterReceba a newsletter diária RFI: noticiários, reportagens, entrevistas, análises, perfis, emissões, programas.