Acessar o conteúdo principal

Trump admite a possibilidade de ciberataque da Rússia nas eleições americanas

Donald Trump durante coletiva de imprensa dessa quarta-feira, 11 de janeiro de 2017.
Donald Trump durante coletiva de imprensa dessa quarta-feira, 11 de janeiro de 2017. REUTERS
Texto por: RFI
3 min

O presidente eleito dos Estados Unidos, Donald Trump, concedeu entrevista coletiva nessa quarta-feira (11) na Trump Tower, em Nova Iorque, sede de seu conglomerado de empresas.

Publicidade

Apesar de admitir a possibilidade da Rússia ter havido participação no episódio de ciberataque dos e-mails de Hillary Clinton, Trump acusou agências de inteligência americanas de vazar um "falso" dossiê russo.

Ele afirmou ainda que seu governo será o maior criador de empregos já existente. "Vamos criar empregos. Eu disse que serei o maior criador de empregos que Deus já criou. E eu falo sério", enfatizou.

Sobre o muro que pretende construir na fronteira entre Estados Unidos e México, Trump prometeu fazer logo a obra e afirmou que vai cobrar os mexicanos pelo muro por meio de um imposto. “Amo os mexicanos. Não os culpo por tentarem conseguir vantagens em cima do povo americano”, disse Trump, afirmando ao mesmo tempo que o governo mexicano deverá reembolsar os Estados Unidos pelo valor final da obra.

Durante a coletiva de imprensa, o presidente eleito dos Estados Unidos afirmou que já assinou documentos que passam a seus filhos o controle total de seus negócios para não haver “conflito de interesses” com suas funções na Presidência. “Eu poderia fazê-lo, e o faria muito bem, mas não quero”, descartou.

Segundo Trump, o plano de saúde público criado por Barack Obama, conhecido como “Obamacare” é uma “catástrofe”. “Ficaremos aliviados quando tirarmos isso das costas”, declarou o presidente eleito.

Donald Trump anunciou ainda a criação de uma "alta tarifa alfandegária" para as empresas americanas que optarem por se instalar no exterior. "Se você quer mudar sua fábrica e, por exemplo, construí-la no México e fabricar seus ar condicionados ou carros ou o que seja, e acha que venderá através de uma fronteira muito, muito forte, não por uma fronteira frágil como agora - na verdade não temos uma fronteira, mas uma peneira - estão enganados. Vocês vão pagar uma alta tarifa alfandegária", alertou.

 

NewsletterReceba a newsletter diária RFI: noticiários, reportagens, entrevistas, análises, perfis, emissões, programas.

Página não encontrada

O conteúdo ao qual você tenta acessar não existe ou não está mais disponível.