Acessar o conteúdo principal
Brasil/Estados Unidos

Joe Biden inicia visita ao Brasil centrada em segurança e energia

Joe Biden durante visita a Bogotá, na segunda-feira 27 de maio de 2013.
Joe Biden durante visita a Bogotá, na segunda-feira 27 de maio de 2013. REUTERS/John Vizcaino
Texto por: RFI
2 min

Depois de visitar a Colômbia e Trinidad Tobago, o vice-presidente dos Estados Unidos, Joe Biden, desembarcou ontem à noite no Rio de Janeiro para uma visita de quatro dias ao Brasil. A agenda de Biden está centrada em temas de segurança e energia. Na sexta-feira, ele será recebido pela presidente Dilma Rousseff em Brasília.

Publicidade

Nesta quarta, o vice-presidente americano se reúne no Rio de Janeiro com a presidente da Petrobras, Graça Foster. As gigantescas reservas de petróleo do pré-sal poderão suprir parte da demanda americana. O Brasil, por outro lado, está interessado em ter acesso à tecnologia dos Estados Unidos para explorar o gás de xisto.

Na sexta-feira, em Brasília, Biden encontra-se com a presidente Dilma e o vice, Michel Temer. Biden vai tentar convencer o governo brasileiro a comprar 36 caças-bombardeiros da Boeing para a FAB, deixando definitivamente de lado a tentação dos Rafale franceses, negociação que começou no governo de Lula, foi suspensa e passou para a atual chefe de Estado. Eles também vão conversar de assuntos globais e, como diz o comunicado oficial americano, debater "a arquitetura da parceria que construímos juntos nos últimos quatro anos". A ida de Biden ao país demonstra a continuação da política de proximidade das duas nações desde a posse de Dilma Rousseff.

Os Estados Unidos querem aproveitar o momento atual da América Latina para solidificar as relações bilaterais. Para a Casa Branca, as políticas econômicas regionais repercutem no progresso da economia global e é neste contexto que cooperações devem ser seladas.

Outros assuntos na agenda são as negociações para eliminar a exigência de vistos aos brasileiros que viajam aos Estados Unidos e o aumento do tráfego aéreo entre os dois países. 

Durante sua passagem pelo país, Biden também abordará a visita de Estado que Dilma realizará em Washington em outubro, projetos de desenvolvimento em ciência e tecnologia e a oferta de cotas em universidades dos Estados Unidos para estudantes brasileiros, segundo anunciou na semana passada o porta-voz do Ministério das Relações Exteriores, Tovar da Silva Nunes.

NewsletterReceba a newsletter diária RFI: noticiários, reportagens, entrevistas, análises, perfis, emissões, programas.

Página não encontrada

O conteúdo ao qual você tenta acessar não existe ou não está mais disponível.