Brasil/Protestos

Tarifas diminuem mas protestos são mantidos em mais de 70 cidades

Manifestantes em Brasília, 19 de junho de 2013
Manifestantes em Brasília, 19 de junho de 2013 REUTERS/Ueslei Marcelino
Texto por: RFI
2 min

Apesar do recuo de São Paulo e Rio, que finalmente revogaram ontem o aumento de 20 centavos da tarifa dos transportes públicos que era a reivindicação inicial dos protestos, as manifestações previstas para hoje, 20 de junho de 2013, estão mantidas. Passeatas estão marcadas em mais de 70 cidades do país.

Publicidade

As principais manifestações desta quinta-feira devem acontecer no Rio, onde ocorre o jogo Espanha eTaiti na Copa das Confederações, e em São Paulo. A questão do dia é: a mobilização será tão grande quanto nos dias anteriores?

O Movimento Passe Livre, que iniciou o protesto pela redução das tarifas, diz que a manifestação de hoje será mais festiva para comemorar a derrubada do reajuste, mas o movimento que teve a sua pauta de reivindicações ampliada continua.

Ontem, onze cidades já haviam anunciado a redução das tarifas, mas nem por isso os protestos foram suspensos. Em algumas cidades, como Niterói e Fortaleza, houve violência e confrontos com a polícia. Os manifestantes protestam também contra os gastos do governo para a realização das Copas do Mundo e das Confederações, contra o alto custo de vida e por mais saúde e educação.

Protestos no exterior

Brasileiros que moram no exterior continuam organizando atos em apoio ao movimento de protesto no Brasil. Ontem uma manifestação reunindo 600 pessoas aconteceu em Barcelona, e no próximo sábado dia 22, atos estão previstos em Paris e em Turim. Além do apoio ao movimento brasileiro e do repúdio a violência policial, eles tentam explicar aos estrangeiros o que esta acontecendo no Brasil.
 

NewsletterReceba a newsletter diária RFI: noticiários, reportagens, entrevistas, análises, perfis, emissões, programas.