Imprensa

Na França, ministro diz que clima para as Olimpíadas é diferente da Copa

"Brasil quer a presença dos atletas russos", diz o ministro o Le Figaro.
"Brasil quer a presença dos atletas russos", diz o ministro o Le Figaro. Reprodução

O jornal francês Le Figaro publica nesta terça-feira (29) uma entrevista com o ministro brasileiro dos Esportes, George Hilton. Perguntado sobre os protestos dos brasileiros contra a Copa do Mundo, verificados em 2014, o ministro respondeu que essa reação não se repete com os jogos olímpicos porque, segundo ele, “a população brasileira agora vê que o país tem condições de organizar grandes eventos”. “O clima agora é outro”, garante Hilton.

Publicidade

No título, o diário destaca a declaração do ministro, que diz desejar a presença dos atletas russos nos jogos Olímpicos do Rio de Janeiro de 2016. Ele se refere à polêmica que envolve acusações de doping feitas a atletas da Rússia nas Olimpíadas de Londres, em 2012.

George Hilton afirma que o Brasil investiu o suficiente na construção de um laboratório antidoping e que isso deve garantir que os jogos do Rio serão rigorosos neste quesito. “Nosso laboratório é o primeiro da América do Sul credenciado pela Agência Mundial Antidopagem. Não vamos tolerar doping”, disse Hilton, destacando o investimento de R$ 159 milhões no equipamento.

“Durmo bem”

O ministro ainda diz ao jornal francês que entre 70% e 90% das obras para os jogos olímpicos estão prontas e que a poluição das águas para os esportes náuticos - uma das principais preocupações dos franceses -, teria sido reduzida em mais de 50%.

Hilton disse que “dorme bem à noite” quando perguntado se estava preocupado com a organização dos jogos e complementou dizendo que “sonha com medalhas”. Segundo o ministro, o objetivo do Brasil é conseguir ficar entre os 10 primeiros no quadro de medalhas. George Hilton é um radialista mineiro, conhecido por apresentar programas de TV e rádio evangélicos, e pertence ao pequeno partido PRB, da base de apoio da presidente Dilma Rousseff.

NewsletterReceba a newsletter diária RFI: noticiários, reportagens, entrevistas, análises, perfis, emissões, programas.