"Frieze" reúne em Londres galerias contemporâneas do mundo

Áudio 07:16
Foto de apresentação do Frieze Projects, iniciativa para apoiar novos artistas.
Foto de apresentação do Frieze Projects, iniciativa para apoiar novos artistas. Sterling

A nossa balada cultural desta semana propõe uma exposição na Holanda que garante que "O Futuro da Moda é Agora", uma super feira de arte contemporânea em Londres, o lançamento do novo filme dos diretores do sucesso planetário "Intocáveis" e a voz de uma diva portuguesa cantando em francês...

Publicidade

London Art Fair

No coração do Regent's Park, em Londres, está acontecendo uma das feiras de arte contemporânea mais badaladas do mundo, a Frieze London.

Escultura "Green Streamer", de Philip King, exposta na Frieze London pela Thomas Dane Galery.
Escultura "Green Streamer", de Philip King, exposta na Frieze London pela Thomas Dane Galery. Thomas Dane Galery

São 162 galerias vindas de 25 países, expondo os artistas mais importantes do cenário internacional. O Brasil também participa com as galerias A Gentil Carioca, Fortes Vilaça, Luisa Strina, Mendes Wood DM e Vermelho. Maria Quiroga, diretora da Galeria Luisa Strina, fala sobre a importância da Frieze:" A Frieze é super importante, tem umas cinco galerias brasileiras nessa feira. Nos últimos dez anos, teve uma expansão da arte contemporânea brasileira no mundo; no caso, Londres é um lugar importante para esse posicionamento da nossa arte porque tem uma grande quantidade de pessoas importantes, tem a Tate Modern que, inclusive, tem um comitê de aquisições de arte latino-americana, além de vários colecionadores interessados na arte brasileira", diz Maria Quiroga.

Ao lado da Frieze contemporânea acontece a Frieze Masters, feira de arte antiga e moderna, que reúne 127 galerias. Neste ano, a obra mais conceituada, que está à venda pela galeria nova-iorquina Otto Naumann, é um retrato do século XVII  pintado a óleo por Rembrandt. O valor?  US$ 48,5 milhões!

A Frieze tem algumas mostras paralelas que demonstram a abertura intelectual do evento. “Focus” tem curadoria de Raphael Gygax e Jacob Proctor, e expõe as obras das galerias mais novas. A “Live” se interessa por performances e criações interativas. Artistas conceituados como Bruce McLean e Trevor Paglen farão palestras.

A 12a edição da Frieze London vai até 18 de outubro, no Regent's Park.

O Futuro da Moda

Nos dias de hoje, a nossa expectativa é renovar o guarda-roupa a cada seis meses ou a moda pode ser mais permanente? Uma roupa tem que satisfazer um ideal pré-concebido de beleza ou pode seguir outros parâmetros? Qual é o papel da moda no avanço tecnológico como, por exemplo, o Google Glass, o óculos da Google?

Photo: Glancult Studio/Jouke Bos

Estas são algumas das reflexões feitas por toda uma nova geração de estilistas, que acabaram interessando igualmente o Museu Boijmans van Beuningen de Roterdã, na Holanda.

Os novos criadores têm uma visão bem crítica do atual sistema da moda e têm proposto soluções super criativas que cruzam as fronteiras do estilismo e da arte. Tecnologias futuristas, valores solidários e sustentabilidade fazem parte da linguagem de talentos com visão.

Tudo isso pode ser decodificado e curtido na mostra "The Future of Fashion is Now" ("O Futuro da Moda é Agora"), que até janeiro de 2015 apresenta roupas e acessórios, vídeos e instalações de mais de 50 criadores internacionais, de nomes confirmados a jovens talentos promissores.

A consagrada dupla holandesa Viktor&Rolf apresenta um jardin zen e sugere que o mundo se movimente de forma mais lenta, a designer chinesa Wang Lei traz roupas tradicionais de vime e a inglesa Carole Collet propõe modelos ecológicos com detalhes de onde crescem brotinhos de morango.

"The Future of Fashion is Now" fica em cartaz no Museu Boijmans até 18 de janeiro de 2015.

Música

Ouça a cantora portuguesa Mísia interpretando "La Chanson d'Hélène", do filme " Les Choses de La Vie", do diretor Claude Sautet. Com participação de Iggy Pop...

Filme da Semana: "Samba". Depois do sucesso planetário de "Intocáveis", os diretores franceses Eric Nakache e Olivier Toledano entraram nas salas francesas nesta semana com "Samba" e um leque de artistas como Omar Sy no papel de Samba Cissé, Charlotte Gainsbourg e Tahar Rahim. O tema dos imigrantes clandestinos é o centro da história, uma comédia social que faz rir, chorar e refletir sobre a marginalidade na nossa sociedade.

Veja o trailer de "Samba", estrelado por Omar Sy e Charlotte Gainsbourg:

NewsletterReceba a newsletter diária RFI: noticiários, reportagens, entrevistas, análises, perfis, emissões, programas.

Acompanhe todas as notícias internacionais baixando o aplicativo da RFI