Acessar o conteúdo principal
Cinema/Estreia

Debatendo a exploração de animais, "Mundo dos Dinossauros" tem estreia mundial

Cartaz de "Jurassic World - O Mundo Dos Dinossauros", dirigido por Colin Trevorrow.
Cartaz de "Jurassic World - O Mundo Dos Dinossauros", dirigido por Colin Trevorrow. Divulgação
3 min

A estreia mundial de "Jurassic World - O Mundo Dos Dinossauros", quarto filme da série que foi lançada por Steven Spielberg, em 1993, acontece nesta sexta-feira (12). O primeiro filme ganhou três estatuetas do Oscar e além de ser considerado um dos melhores filmes de todos os tempos, é um marco quando o assunto é tecnologia na sétima arte.  

Publicidade

Cleide Klock, correspondente da RFI em Los Angeles

Ciência, tecnologia e imaginação. É nesse tripé que se apoia a superprodução que nos leva diretamente ao passado na terra, mas com uma discussão bem atual: a criação e transformação de animais em laboratório e também a exploração dos bichos em parques temáticos. A trama custou US$ 180 milhões e, assim como o primeiro filme da série, usou dinossauros robôs, gigantes de mais de 20 metros de altura, com movimentos próprios.

Quem teve a tarefa de dirigir "O Mundo dos Dinossauros" foi Colin Trevorrow, primeiro filme de grande orçamento do cineasta. "Preferi não pensar que estava substituindo Spielberg, mas aprendendo com ele, que continua sendo o produtor executivo da franquia", conta Trevorrow. Para ele, "a tecnologia desenvolvida nestas últimas duas décadas ajudou muito a melhorar os detalhes e os movimentos nos dinossauros".

Chris Pratt é o protagonista

Quem faz o papel de "mocinho" é Chris Pratt, ator que há pouco tempo entrou no mundo do cinema-aventura. Ele que é grande fã dos dinossauros de Spielberg desde a adolescência nos falou que voltar aos mesmos cenários do primeiro filme foi como ir a um santuário. "Os sets eram lindos e muito reais. Filmamos no meio da selva no paraíso tropical do Havaí e também em New Orleans com cenários enormes e milhares de pessoas, parecia mesmo um parque temático", descreveu.

No ano passado Pratt fez Guardiões da Galáxia e, além de estar já filmando a sequência do filme da Disney, é um dos nomes cotados para protagonizar o próximo Indiana Jones. Mas por enquanto ele não confirma a informação: só garante a aventura pré-histórica e a de outras galáxias.

O francês Omar Sy - que ganhou o prêmio Cesar de melhor ator por "Os Intocáveis" - é outra das estrelas do filme. Ele faz o papel de um dos funcionários do parque e também vai ter que lutar muito contra os gigantes pré-históricos.

Marco nas pesquisas

O Mundo dos Dinossauros é o quarto filme da série, que teve o primeiro episódio lançado em 1993, os seguintes em 1997 e 2001. Os três juntos faturaram mais de US$ 2 bilhões e são também um marco para o desenvolvimento de pesquisas relacionadas à era jurássica.

NewsletterReceba a newsletter diária RFI: noticiários, reportagens, entrevistas, análises, perfis, emissões, programas.

Página não encontrada

O conteúdo ao qual você tenta acessar não existe ou não está mais disponível.