Acessar o conteúdo principal

Pequenas empresas estrangeiras são alvo de multinacionais brasileiras

Crescem investimentos brasileiros no exterior
Crescem investimentos brasileiros no exterior Reuters
Texto por: Luiza Duarte
3 min

As multinacionais brasileiras adotam estratégia de compra de pequenas e médias empresas no exterior. Elas têm investido na aquisição como porta de entrada nos grandes mercados internacionais.

Publicidade

É o que garante Álvaro Cyrino, professor de estratégia econômica da Fundação Getúlio Vargas, em entrevista a RFI. Para o especialista, alguns setores já saturaram a oferta de grandes empresas à venda. A meta agora são as companhias de pequeno porte para completar o portifólio dessas multinacionais que passam por uma boa fase com a valorização do real face ao dólar.

Alvaro Cyrino

América Latina, mas também Estados Unidos, Canadá e Europa são os principais mercados para a expansão. As empresas de países em desenvolvimento têm aumentando a participação no fluxo global de investimentos estrangeiros. O movimento de internacionalização dos grandes grupos do país se tornou significativo a partir de 2004. Os investimentos das multinacionais brasileiras no exterior foram de 12 bilhões de dólares, no primeiro semestre desse ano, maior resultado indicado pelo Banco Central desde 1968.

Setores ligados a insumos básicos e ao agronegócio continuam apresentando uma grande dinâmica. A voracidade do mercado Chinês é um dos fatores desse crescimento. Ela impulsiona a retomada dos preços a patamares anteriores a crise financeira internacional de 2008.

No ranking da revista Forbes das 2 mil maiores empresas do mundo, publicado em abril desse ano, aparecem 33 multinacionais brasileiras. A Petrobrás é a melhor colocada, na 18ª posição. Bradesco, Banco do Brasil,Vale, Itausa, Eletrobrás, CSN, Usiminas, Tele Norte Leste, JBS, Grupo Pão de Açúcar, Gerdau e Cemig, são algumas das brasileiras mais bem sucedidas.

NewsletterReceba a newsletter diária RFI: noticiários, reportagens, entrevistas, análises, perfis, emissões, programas.

Página não encontrada

O conteúdo ao qual você tenta acessar não existe ou não está mais disponível.