Grécia/Plano de Ajuda

Novo pacote de ajuda à Grécia pode chegar a 110 bilhões de euros

O Primeiro Ministro grego George Papandreou, durante a reunião de cúpula de Bruxellas.
O Primeiro Ministro grego George Papandreou, durante a reunião de cúpula de Bruxellas. Reuters

Segundo o primeiro-ministro grego, o novo plano de ajuda à economia da Grécia deve representar um montante de 110 bilhões de euros. O valor definitivo ainda depende da participação da iniciativa privada na operação. Mas a principal condição para que o dinheiro seja liberado é a adoção pelo Parlamento grego das medidas de austeridade impostas pela União Europeia e o Fundo Monetário Internacional.

Publicidade

Ao deixar a reunião de cúpula da União Europeia em Bruxelas nesta sexta-feira, o primeiro-ministro grego, Georges Papandréou, fez uma estimativa do novo pacote de ajuda vinda da União Europeia e do Fundo Monetário Internacional. O premiê explicou que ainda é cedo para dar um valor exato do empréstimo, mas que o montante será “similar” ao primeiro plano concedido há um ano, quando 110 bilhões de euros (cerca de 250 bilhões de reais) foram liberados em um prazo de três anos.

O valor final ainda depende da participação da iniciativa privada, que deve integrar o processo. Sob pressão da Alemanha, os países europeus se comprometeram a negociar com bancos e fundos de investimentos visando uma contribuição voluntária, para que a crise grega não pese apenas nos bolsos do FMI e da UE.

Esse aspecto do plano ainda deve ser discutido, já que a participação “voluntária” da iniciativa privada ainda divide os europeus. Os ministros das Finanças da zona euro deve se reunir novamente no dia 3 de julho para debater o assunto, além das demais modalidades da operação.

Mas esse segundo plano de ajuda ainda depende da adoção por parte do Parlamento grego das medidas de austeridade impostas pela Europa e pelo FMI. Essa foi a condição para que o dinheiro fosse liberado. Atenas deve votar o projeto no final do mês e caso o pacote de restrições seja aprovado, o empréstimo deve ser liberado no início de julho.
 

NewsletterReceba a newsletter diária RFI: noticiários, reportagens, entrevistas, análises, perfis, emissões, programas.