Economia

EUA têm menor índice de desemprego em cinco anos

Mulher abre porta de vidro com cartaz de oferta de emprego. Imagem de março de 2011
Mulher abre porta de vidro com cartaz de oferta de emprego. Imagem de março de 2011 REUTERS/Lucas Jackson/Files

O número de desempregados nos Estados Unidos é o mais baixo dos últimos cinco anos, de acordo dados divulgados nesta quinta-feira pelo departamento do Trabalho (equivalente americano do ministério do Trabalho).

Publicidade

A pesquisa é feita com base no número de pedidos de seguro-desemprego que, no período entre 27 de abril e 4 de maio, caiu 1,2% em relação à semana anterior para 323 mil, considerando variações sasonais. A média das últimas quatro semanas ficou em 336.750, uma queda de 6.250 frente ao período anterior.

Desde a metade de janeiro de 2008 - e, portanto, antes do estouro da bolha hipotecária - que a média da procura semanal pelo benefício não era tão baixa. Este dado é obtido a partir do número bruto de pedidos de seguro desemprego, que é comparado às semanas precedentes e ajustado de acordo com a média de procura na época do ano.

No semana do 4 de maio, foram contablizadas 298.497 demandas, 2.638 a menos do que no período precedente. Na mesma semana de 2012, foram 341.080.

O bom resultado surpreendeu mesmo os analistas que previam que a demanda média da semana ficaria próxima dos 336 mil. Por isso, o departamento rebaixou sua perspectiva de progressão do desemprego para 0,9%.

De acordo com os dados oficiais, o desemprego recuou 0,1 percentual e hoje atinge 7,5% da população norte-americana, o nível mais baixo desde dezembro de 2008.
 

NewsletterReceba a newsletter diária RFI: noticiários, reportagens, entrevistas, análises, perfis, emissões, programas.