Vila Olímpica dos Jogos do Commonwealth é vasculhada após ameaça de bomba

Alerta a Bomba na Vila Olímpica dos Jogos do Commonwealth.
Alerta a Bomba na Vila Olímpica dos Jogos do Commonwealth. Reuters

A polícia indiana vasculhou a vila olímpica dos Jogos do Commonwealth, em Nova Délhi, capital da Índia, nesta terça-feira, após um telefonema anônimo com uma ameaça de bomba.  

Publicidade

O local, com mais de mil apartamentos abrigando mais de sete mil oficiais e atletas, não chegou a ser esvaziado. As autoridades ainda não confirmaram se a ameaça era verdadeira. O governo indiano se comprometeu a “blindar” o evento, mobilizando mais de cem mil policiais e paramilitares ao redor da capital.

Os Jogos do Commonwealth, que reúnem a cada quatro anos os países que fizeram parte do império colonial britânico, tiveram início no domingo. Muita polêmica sobre insalubridade e instalações problemáticas antecederam e ameaçaram a abertura dos jogos.

Paralelamente, o chefe do comitê organizador desta edução dos Jogos do Commonwealth, Suresh Kalmandi, cometeu uma gafe nesta terça-feira ao agradecer, durante uma coletiva de imprensa, a presença da princesa Diana na cerimônia de abertura dos Jogos.

Ele se corrigiu em seguida, citando o príncipe charles e Camila, a duquesa da Cornualha, sua atual mulher. A princesa Diana, primeira mulher do herdeiro da coroa britânica, morreu em um acidente de carro, em Paris, em 1997.

No domingo, Charles declarou o iniciado o evento após leitura de uma mensagem de sua mãe, a rainha Elisabeth II, líder do Commonwealth.

NewsletterReceba a newsletter diária RFI: noticiários, reportagens, entrevistas, análises, perfis, emissões, programas.