Futebol

Atacante brasileiro Brandão, do Marselha, é destaque no jornal esportivo L'Équipe

L'Équipe

"Brandão é indispensável", estampa a manchete em letras garrafais do principal diário esportivo francês, explicando que, sem ser um goleador, o brasileiro reina atualmente na ponta do ataque do Marselha.

Publicidade

As vaias no estádio do Velódromo, as críticas sobre seus defeitos técnicos, tudo é superado por Brandão, que tem consciência de que as opiniões positivas sobre sua performance nunca serão unânimes, diz L'Équipe, definindo o brasileiro como um "homem de duelo de 1,89m e 78 kg".

"Quem se lembra de que ele foi comprado em janeiro de 2009 por 8 milhões de euros, quase 19 milhões de reais, um cheque bem menor do que os assinados para os contratos de outros craques da casa, como André-Pierre Gignac e Loïc Rémy? Quem se lembra também de que Brandão preferiu ficar no Marselha quando recebeu a oferta para jogar no clube russo Rubin Kazan com o dobro do salário e um bônus de dois milhões e meio de reais? - pergunta L'Équipe.

Hoje, aos 30 anos, sob contrato até 2012, Brandão joga mais à frente, uma tática que deu certo e já rendeu dois gols.

Reconhecendo que as estatísticas não o favorecem - 1 gol em 729 minutos de jogo no Campeonato Nacional - o jornal analisa que a grande força do brasileiro está no seio da própria equipe, onde é um dos mais apreciados.

As declarações elogiosas chovem, a começar pelo capitão Steve Mandanda, que o considera exemplar e pensa que é preciso encorajá-lo. Hilton, outro brasileiro do Marselha, fala da sua imensa capacidade de trabalho e explica que ele não é como todos os atacantes brasileiros, super vivos e com passes rapidíssimos. Já o diretor esportivo do Marselha, José Anigo, acha injusto que Brandão seja vaiado como aconteceu no último jogo contra o Bordeaux, no domingo passado. O atacante foi substituído aos 79 minutos e saiu para o vestiário sob as vaias dos torcedores.

Conclusão do jornal L'Équipe: na atual configuração do Marselha, Brandão é o único em campo capaz de evoluir em diversas posições. Ele sempre diz presente e também marca, o que é uma vantagem para o atual campeão do campeonato francês. Gostem os torcedores, ou não!
 

NewsletterReceba a newsletter diária RFI: noticiários, reportagens, entrevistas, análises, perfis, emissões, programas.