França/Futebol

Novo presidente da Federação Francesa de Futebol será eleito amanhã

Fernand Duchaussoy na assembléia geral da Federação Francesa de Futebol (FFF).
Fernand Duchaussoy na assembléia geral da Federação Francesa de Futebol (FFF). Panoramic

Após quase um ano na direção da Federação Francesa de Futebol, Fernand Duchaussoy é candidato à sua própria reeleição, apesar da polêmica das cotas. 

Publicidade

Há algumas semanas, a principal entidade do futebol francês foi acusada de promover discriminação com os jogadores de dupla nacionalidade, principalmente negros e árabes. A ministra francesa do Esporte minimizou o caso, que acabou não indo à Justiça. Hoje Duchaussoy se defende deste passado recente, e afirma que tudo não passou de uma campanha de difamação.

O dirigente de 68 anos diz estar confiante. Ele enfatiza o balanço positivo do seu mandato, e se defende de todo “amadorismo”. Na realidade, Duchaussoy alfineta um de seus concorrentes, o candidato Eric Thomas, presidente da Associação Francesa de Futebol Amador. O terceiro nome da lista é o atual vice-presidente da federação, Noël Le Graët.

Amanhã, 276 delegados decidirão quem será o novo homem da principal entidade do futebol francês por mais um mandato de um ano e meio.
 

Victória Álvares, em colaboração para RFI

 

NewsletterReceba a newsletter diária RFI: noticiários, reportagens, entrevistas, análises, perfis, emissões, programas.