Copa das Confederações

Imprensa espanhola comemora final contra o Brasil

O espanhol Jesus Navas comemora a cobrança de pênalti que garantiu a vaga da ESpanha na final da Copa das Confederações.
O espanhol Jesus Navas comemora a cobrança de pênalti que garantiu a vaga da ESpanha na final da Copa das Confederações. REUTERS/Paulo Whitaker
Texto por: Cíntia Cardoso
3 min

A imprensa esportiva mundial está eufórica com a final da Copa das Confederações no próximo domingo que vai colocar frente a frente o Brasil e a Espanha em pleno Maracanã. Mas os jornais espanhóis destacam também as vaias que a equipe espanhola recebeu dos torcedores brasileiros.

Publicidade

O jornal esportivo espanhol "AS" coloca na manchete que a final entre o Brasil e a Espanha no próximo domingo no Maracanã será uma "final dos sonhos". Esse também é o tom espanhol “Olé”, que fala de uma final "furiosa", fazendo um trocadilho com o apelido da seleção espanhola conhecida como "fúria". Para o também espanhol “Marca”, é hora de sonhar com um outro “Maracanaço”, numa referência à final da Copa do Mundo de 1950 quando o Brasil perdeu o título para o Uruguai em casa.

O diário esportivo francês "L'Equipe" diz que "não se poderia esperar por uma final melhor" nessa Copa das Confederações. O britânico "The Guardian" também se mostra entusiasmado e diz que essa decisão será "fascinante". No seu site, a ESPN carrega nas tintas e fala de um jogo de "vida ou morte".

Em uma entrevista ontem após o jogo, o treinador espanhol Vicente Del Bosque disse que o Brasil é favorito por ser cinco vezes campeão mundial e lembrou que a Espanha que tem apenas o título conquistado na Copa do Mundo da África do Sul em 2010. O técnico disse, porém, que, no domingo, o Maracanã vai começar uma nova era no futebol mundial.

A seleção espanhola vai entrar em campo no domingo mais desgastada depois de ter decidido nos pênaltis contra a Itália a vaga na final. A “fúria” também a desvantagem de ter um dia a menos de descanso em relação à seleção brasileira. Mas Del Bosque não admite desculpas e disse que quer que sua equipe jogue melhor que na partida de ontem contra a Itália.

Vaias

Outro destaque da imprensa foi a recepção hostil da torcida brasileira à seleção espanhola. Em seu site, o jornal “As” colocou um vídeo que mostra a sonora vaia que os espanhóis receberam durante a partida contra a Itália e também os gritos de “olé” a cada vez que a Itália recuperava a posse de bola da Espanha.

O jornal esportivo “Marca” destaca que a seleção espanhola tem sofrido com a hostilidade dos brasileiros desde o primeiro jogo e, contra o Taiti, essa animosidade ficou evidente. Mas o técnico espanhol minimizou essa reação dos torcedores e afirmou que é “normal”.

Já a "azzura" foi muito aplaudida pelos brasileiros na partida e o jogador veterano Pirlo foi um dos mais aclamados.
 

NewsletterReceba a newsletter diária RFI: noticiários, reportagens, entrevistas, análises, perfis, emissões, programas.